.

.

terça-feira, 7 de junho de 2016

Ex-prefeito Rômulo Augusto é denunciado por lavagem de dinheiro

O Ministério Público Federal denunciou Rômulo Augusto Trovão Moreira Lima, ex-prefeito de Coroatá e sobrinho do ex-secretário de Saúde Ricardo Murad, por corrupção passiva e ocultação de patrimônio, uma modalidade de lavagem de dinheiro em esquema de desvios de dinheiro público.

A denúncia feita e protocolada na Justiça Federal pelo procurador da República, Régis Richael Primo da Silva, é resultado de investigação da Polícia Federal e Controladoria-Geral da União (CGU) sobre desvio de recursos públicos federais do Fundo Nacional de Saúde (FNS), destinados ao sistema de Saúde no Maranhão.

De acordo com documento obtido pelo Blog do Neto Ferreira, Rômulo Trovão teria praticado atos para lavar dinheiro com investimentos financeiros na empresa Buna e Bacelar Ltda., Escola Crescimento Calhau. Ele se utilizou de Joelson Pereira, apontado como laranja, para desviar dinheiro público repassado ao ICN, como também para, posteriormente, lavá-lo.

O MPF acredita que R$ 335 mil sacados pelo laranja Joelson das contas do ICN teria sido destinado a Trovão, com a finalidade de ocultar a forma ilícita.

Rômulo adquiriu dois veículos imotados, sendo um Smart Brabus por R$ 80 mil e um Jepp Grand Cherokee, por R$ 215 mil, mas os colocou em nome de Joelson, dissimulando, assim, a propriedade do bem indiretamente obtido pela pratica criminosa.

Na denuncia, o procurador diz também que o sobrinho de Ricardo Murad comprou uma BMW por R$ 180 mil, uma lancha por R$ 215 mil, dos quais R$ 200 mil lhe foram repassados pelo laranja Joelson.


Nenhum comentário:

Postar um comentário