Páginas

.

.

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Dr Marcelo Rosa assume secretaria adjunta de atenção primária e vigilância em saúde



O farmacêutico Dr Marcelo Rosa que carrega uma larga experiência na área de saúde pública e atualmente exercia o cargo de superintendente de vigilância sanitária na secretaria estadual de saúde, agora terá um novo desafio pela frente: ele acaba de assumir a secretaria adjunta de atenção primária e vigilância em saúde, pasta importante na SES.

Marcelo Rosa já foi secretário de saúde de diversas cidades, diretor do Socorrao de São Luís e também é vice-presidente do conselho de saúde do município de São Luís, é tambem militante do PCdoB.

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Confirmado: Joana da Amovelar terá Lorena Macedo como vice em Peritoró

Luís da Amovelar e lideranças com o secretário Márcio Jerry


O líder político e ex-prefeito de Coroatá, Luís da Amovelar esteve em uma extensa agenda na capital do estado, fechando os últimos ajustes para o lançamento da pré candidatura de sua esposa, Joana da Amovelar a prefeita de Peritoró. 

Durante a manhã Amovelar acompanhado de lideranças de Peritoró se reuniu com o secretário de comunicação e articulação política do estado, Márcio Jerry que também é presidente estadual do PCdoB, partido do governador Flávio Dino. Ficou decidido na reunião que contou com a presença do deputado estadual Fábio Macedo (PDT) que a Lorena Macedo esposa do deputado e filiada ao PCdoB, será a candidata a vice prefeita na chapa com dona Joana.

Logo após, Luís participou de reunião com o presidente do PDT de Peritoró e pai do deputado Weverton Rocha, Dr Deustedith, o mesmo garantiu a legenda para que Joana da Amovelar dispute a prefeitura de Peritoró "Dona Joana é a nossa candidata e juntos nós re construiremos Peritoró" disse o presidente municipal.


O ex-prefeito ainda acompanhado de lideranças,  visitou o gabinete do deputado Fábio Macedo e se disse animado "Estamos muito felizes com esses últimos acordos, temos certeza que chegaremos a vitória com Joana pré candidata a prefeita e Lorena Macedo Vice" disse Amovelar.



Luís em reunião na casa de Dr Deustedith, pai do deputado Weverton Rocha

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Com "racha" oposição deverá eleger apenas seis vereadores...



Com o 'racha' inevitável dentro do grupo de oposição, quem sairá perdendo sem duvidas nenhuma são os vereadores de mandato e os que sonham em assumir uma cadeira no legislativo coroataense. Veja o porquê:

Na Coligação que terá Luis da Amovelar Filho como candidato a prefeito com os partidos PT e PSB, os candidatos a vereadores que deverão ser os favoritos são: Juscelino (PT), Antonio Viana (PSB), Diôgo (PT) e Claudeci Reis (PSB). O PSB diz ter pelo menos 30 candidatos a vereadores com média de 200 votos, podendo, juntando com o voto de legenda do "13" um dos novatos também se eleger, essa é sem duvidas uma das melhores coligações. Caso o vereador Cássio Reis vá para esta coligação sua eleição fica praticamente garantida e ainda ajuda na eleição dos novatos.

Por outro lado, a coligação do G10, que tem PCdoB, REDE, PEN, PDT, Solidariedade, PP, DEM, PHS, PSDB e PPS devem se dividir em duas coligações.

A primeira coligação contará com os partidos, Solidariedade, PEN,PHS, DEM, PPS E PP, neste cenário, apenas um candidato deverá ser eleito e provavelmente este deverá ser o advogado Carlos Portela (SD), porém isso somente ocorrerá se todos os candidatos conseguirem uma votação boa e Portela também trabalhe bastante pois o coeficiente eleitoral deste ano deve variar de 2 a 3 mil votos para eleger um vereador, ou seja, para que uma coligação eleja um vereador é preciso que juntando o voto de todos, este numero seja alcançado para que pelo menos um obtenha exito.

A outra coligação também do G10 poderá contar com PSDB, PCdoB, REDE e PDT. Neste cenário, disputarão o mandato, a vereadora Lourdinha (PCdoB), o vereador Cássio (PSDB) e o vereador Marcelo Moura (REDE), esta coligação caso se confirme pode ser considerado a coligação 'mata-mata' onde os envolvidos disputarão voto a voto e algum dos três podem dançar sem musica, além deles, tem o experiente professor Edmilson (PDT) e o candidato do professor Odair, Prof Celso (PDT), além do apresentador Macilio Gonçalves (PCdoB) que promete ter uma grande votação pelo sucesso do seu programa. A briga promete...

Então, caso se confirme as três coligações, a oposição deverá eleger apenas 6 vereadores, deixando assim, 9 vagas para os candidatos de Murad.

Luís da Amovelar confirma, Luís Filho será seu candidato a prefeito e Domingos o vice



Não passou de especulações a desistência da pré-candidatura do filho do ex-prefeito de Coroatá, Luís da Amovelar, Luís Filho como é conhecido continua com sua pré-candidatura tendo como vice o ex-vice prefeito, Domingos Alberto.

 OS FATOS 

 Na noite de ontem (24) o ex-prefeito se reuniu com Ciba que é o líder do grupo denominado G10 e os convidou mais uma vez para fazer parte do projeto político que lançou a candidatura de Luís Filho, porém ouviu de todos os membros do G10 um sonoro não, nenhum dos membros aceitou o nome do filho do ex-prefeito. Foi então que Movelar resolveu ceder e disse que retiraria o nome do seu filho caso o G10 até as 17h de hoje (25) apresentasse um nome de consenso de todo o grupo, logo Ciba indicou o nome da vereadora Lourdinha (PCdoB) porém os demais prés do G10 não aceitaram retirarem suas candidaturas, tanto Odair (PDT) quanto Coronel Alexandre (PCdoB) vetaram o nome da vereadora. Foi aí que Movelar lhes deu o prazo para conversarem entre si e o informarem o nome do candidato a serem apoiados por todos.

O g10 passou toda a manhã reunido e não chegaram a nenhuma decisão, a briga interna continuava, ninguém abria mão de ser candidato. Ao meio dia, chamaram o ex-prefeito Luís da Amovelar e o pediram mais um tempo para que eles se decidissem, Luís logo os informou que ficaria inviável esperar mais meses para esta decisão e os informou que iria continuar então com a candidatura de seu filho e domingos Alberto. Logo após o ex-prefeito participou de um programa local confirmando, Luís da Amovelar Filho será sim candidato a prefeito.

G10 fará pesquisa para escolher seu candidato

 O grupo G10 então decidiu, primeiro retirar a pré-candidatura de Ciba (PCdoB) porém levantou outras candidaturas, a partir de agora são pré-candidatos, Odair (PDT), Coronel Alexandre (PCdoB), Lourdinha (PCdoB), Cassio (PSDB), Juscelino (PT), Marcelo Moura (Rede), todos participarão de uma pesquisa e o melhor colocado será o candidato do G10, agora quando isso acontecerá é que ninguém sabe.

Detalhe: Faltam apenas 160 dias para as eleições municipais.

Em grande evento, Luis apresenta Luis da Amovelar Filho como pré-candidato a prefeito



O lançamento da candidatura de Amovelar Filho (PT), herdeiro político do ex-prefeito Luís da Amovelar à prefeitura de Coroatá, ontem (21), foi um sucesso e teve a presença de mais de cinco mil pessoas vindas de vários bairros, povoados, trazendo bandeiras, cartazes, e fazendo muito barulho numa demonstração de aprovação dos coroataenses. O evento foi realizado na quadra da Medusa.




Durante o evento, ele recebeu os cumprimentos de lideranças políticas e comunitárias e artistas locais. “Sinto-me muito feliz, pois é clara a demonstração de carinho e respeito de todos vocês coroataenses”, afirmou Amovelar Filho.


A chapa apresentada na noite desta quinta-feira, 21, tem como nome a vice, o ex-vice prefeito Domingos Alberto do (PSB), o mesmo desistiu da sua pré-candidatura a prefeito para unir o grupo e resolveu apoiar o filho do ex-prefeito, Luís da Amovelar que está liderando as pequisas no município. Domingos foi candidato nas eleições municipais em 2012, obteve 14.095 votos (46,35%) dos votos válidos.

Com contribuição do Maranhão de Verdade

Abandonadas por Murad, obras do Italuís estão 90% concluídas



O governador do Maranhão, Flávio Dino, visitou as obras de recuperação do Sistema Italuís que estão 90% concluídas e devem ser entregues ainda no segundo semestre deste ano. A fase atual compreende a passagem da nova tubulação da adutora por sobre o Estreito dos Mosquitos. Desde 2002 até 2015, o abastecimento de água foi penalizado por 29 rompimentos nesta localidade, já que os canos de ferro não suportavam mais a pressão exercida pelo volume de água, por conta da deterioração causada pelo atrito da vazão e a ação do tempo, devido à falta de manutenção nos últimos anos.

“Esta é uma obra que é esperada por décadas e que agora entra na fase final. Nós estamos aqui testemunhando a fase final, a mais complexa, a mais difícil, a mais onerosa, tecnicamente bastante sofisticada, que é exatamente a passagem da adutora por sobre o Estreito dos Mosquitos porque envolve uma série de variáveis técnicas que estão sendo enfrentadas pela Caema [Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão] e pela empresa construtora”, informou o governador, na sexta-feira (22), ao lembrar do impacto positivo para os moradores e para as atividades econômicas na Grande São Luís.

A obra está concentrada na altura do km 22, no Campo de Perizes, e tem como meta a recuperação de um trecho de 19 quilômetros da adutora, propiciando condições para o reforço de vazão do volume de água no Sistema Italuís e, por consequência, do abastecimento na Grande São Luís. A obra vem sendo realizada em três frentes de trabalho simultâneas e concentra-se na troca de tubos antigos de ferro fundido com espessura de 1.200mm por tubos novos de aço de 1.400mm, visando resolver uma situação crítica de rompimentos neste trecho.

Além da substituição dos tubos, o projeto abrange ainda a montagem paralela de estruturas necessárias para garantir apoio e segurança à estrutura da adutora. Também estão sendo colocados isoladores (toco) em polietileno reforçado em fibra de vidro, para reduzir danos e prevenir acidentes por conta da proximidade das linhas de transmissão da Eletronorte.

Uma ponte de ferro em arco, medindo 100 metros de comprimento e 16 metros de altura em seu ponto mais alto, está sendo colocada por sobre o Estreito dos Mosquitos. “Os dutos que usarão a ponte como suporte de ligação vão substituir os que passam ao lado da ponte férrea existente. As dimensões da base dessa estrutura metálica de suporte, que levam os tubos para o lado da ilha, estão aptas a receber no futuro dutos de uma adutora paralela”, disse.

terça-feira, 5 de abril de 2016

Mesmo recebendo recursos milionários, prefeitura de Coroatá mantém hospital fechado‏

Fechamento do Hospital Municipal e de Postos de Saúde em Coroará geram sobrecarga em unidades estaduais de saúde. 

Blog do John Cutrim.


Em novembro de 2014, o ex-secretário de Estado da Saúde Ricardo Murad foi conduzido coercitivamente por agentes da Polícia Federal para prestar depoimento dentro da Operação Sermão aos Peixes, cujo título foi inspirado no famoso sermão contra a corrupção proferido pelo Padre Antônio Vieira em São Luís no ano de 1654.

Murad e uma quadrilha que a PF diz ter sido liderada pelo ex-secretário foram flagrados pela Polícia Federal em um esquema de desvio de pelo menos R$ 114 milhões dos R$ 2 bilhões repassados ao Governo Roseana Sarney pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) entre 2010 e 2014.



Mesmo que tenha a Polícia Federal em seu calcanhar por conta dos supostos desvios feitos na saúde durante o governo Roseana, há fortes indícios de que Murad continua a gerir recursos públicos do setor de saúde, desta vez em Coroatá, município administrado pela esposa do ex-secretário, Teresa Murad.

Logo no primeiro ano de mandato, a prefeita Teresa Murad fechou o Hospital Geral Municipal (HGM). Com o fechamento, a prefeitura deixou de atender os serviços de urgência, emergência e de alta complexidade.

Além do fechamento do HGM, Teresa Murad determinou o fechamento parcial de todos os postos de saúde da cidade. Os que funcionavam o dia todo, agora abrem apenas até o meio dia e, ainda assim, de forma precária, como atestam os moradores da cidade.

Mesmo com o hospital fechado e os postos de atendimento funcionando durante metade do período, Coroatá continuou recebendo integralmente os repasses do Mistério da Saúde, que somam R$ 65 milhões de reais (entre 2013 e março de 2016).

O HGM de Coroatá fechou as portas em primeiro de janeiro de 2013, ano em que o município recebeu mais de R$ 20 milhões de reais do FNS. Pouco tempo depois, o hospital, que atualmente abriga apenas um Centro de Especialidade, passou por reforma que custou R$ 5 milhões. Detalhe: o prédio é alugado.

O fato é que sem atendimento de urgência e emergência no HGM e com postos de saúde funcionando precariamente, restou à população de Coroatá recorrer às unidades mantidas pelo Estado, a exemplo do Hospital Macrorregional de Coroatá e da UPA, unidades que mantêm a política de portas abertas aos pacientes de forma permanente.

Prédio onde funcionava o HGM agora abriga o CEM que antes funcionava no Bairro dos Americanos.

Deputada estadual eleita pelo PMDB, Andrea Murad, filha de Ricardo Murad e da prefeita Teresa, jamais subiu à tribuna da Assembleia Legislativa do Maranhão para dar uma satisfação aos coroataenses a respeito do fechamento de unidades de saúde do seu principal reduto eleitoral. Ao contrário, a parlamentar se queixa da superlotação do Hospital Estadual, provocada justamente pela ausência das unidades municipais.

Acusada de se beneficiar do desvio de recursos da saúde estadual promovido pelo pai, Andrea Murad prega o caos na saúde, e é imediatamente replicada por blogueiros citados em relatório da PF como igualmente beneficiários dos desvios na saúde.

A estratégia, evidentemente, tem como objetivo desviar o olhar dos incautos para o fato de que a família Murad continua administrando recursos da saúde enquanto a população continua sem atendimento decente.






Governo começa a empossar professores aprovados no concurso

Governador Flávio Dino: Amor pela educação
O Governo do Estado começou a dar posse aos professores aprovados no concurso público da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Os documentos para efetivação da posse devem ser apresentados na sede do Instituto de Educação do Maranhão (Iema), antigo prédio do Marista, até o dia 27 deste mês.

Nesta etapa, além da documentação, os aprovados passam ainda por perícia médica. Estes exames terão validade de 90 dias. As datas das avaliações foram marcadas de acordo com as disciplinas.

Até amanhã (5) serão avaliados os professores de Português e Revisor de Braile; dias 6 e 7, Matemática e Atendimento Educacional Especializado; dia 8, Biologia; 11, Artes e Educação Física; dia 12 é a vez do Instrutor de Libras e Intérpretes de Libras; Química e Geografia, dias 13 e 14; Filosofia, Língua Estrangeira-Espanhol e Língua Estrangeira-Inglês, dias 15 a 18; e Física, História, Sociologia e Transcritor de Braille, devem comparecer dias 19 e 20.

Quem perder este prazo terá, ainda, uma segunda chance de 25 a 27, para entregar a documentação. Esta fase é eliminatória e quem perder pode ser desclassificado.

O secretário de Estado da Educação (Seduc), Felipe Camarão, destacou que este novo efetivo vai levar reforço à zona rural, onde a carência no setor é maior.

Do total, cerca de 75% destes aprovados atuarão nas cidades do interior. Paralelamente, o Governo trabalha na reforma, manutenção e construção de escolas. Entre os programas estão o ‘Escola Digna’, que vai substituir estruturas de taipa por alvenaria, sendo que a primeira unidade será inaugurada estes mês, em Fortaleza dos Nogueiras.


Documentos necessários

1 – Cópia autenticada e original do Diploma/Certificado ou Certidão com o Histórico Escolar de Conclusão de Curso (Nível Superior), devidamente registrado pelo órgão competente;

2 – Cópia autenticada da Cédula de Identidade, da Certidão de Nascimento ou Casamento, 3 – CPF e do PIS ou Pasep;

4 – Cópia autenticada do Título de Eleitor e Comprovante(s) da última eleição ou Certidão emitida pela Justiça Eleitoral;

5 – Cópia autenticada do Certificado de Alistamento Militar, se do sexo masculino;

6 – Atestado de Antecedentes Criminais e de Consulta, expedido pela Secretaria de Estado de Segurança Pública onde tenha residido o candidato nos últimos 05 (cinco) anos;

7 – Certidão expedida pelo Tribunal de Justiça do Estado onde tenha residido o candidato nos últimos cinco anos;

8 – Certidões negativas de condenação criminal nas esferas Estadual, Federal e da Justiça Eleitoral, bem como Certidão Negativa relativa ao TCE e TCU;

9 – Declaração de Bens;

10 – Uma foto ¾;

11 – Preencher ficha cadastral apresentando documentos comprobatórios de dependentes, para previdenciários.

Imagem do dia: porquê?

Professora faz protesto silencioso durante a ultima sessão da câmara.

Luís da Amovelar Filho tem pré-candidatura aprovada pelo diretório estadual do PT



O pré-candidato a prefeito de Coroatá, acompanhado de seu pai e ex-prefeito Luís da Amovelar, ao lado do ex-vice prefeito Domingos Alberto (PSB), esteve na tarde da última segunda-feira (04), na sede do Partido dos Trabalhadores (PT), para confirmar a sua pré-candidatura junto ao presidente da sigla, Raimundo Moteiro.

Na reunião foi debatido a atual conjuntura política de Coroatá e o desejo de Luís da Amovelar Filho, após do resultado de recentes pesquisas internas, de sair candidato a prefeito de Coroatá pelo partido no qual é filiado. A pré-candidatura foi aceita por aclamação pelo diretório estadual na pessoa no presidente, que ainda destacou "Se temos chances reais de vencer as eleições em Coroatá com Luís da Amovelar Filho, o partido está com ele nesta decisão, se era o apoio do partido que faltava, agora não falta mais" disse Monteiro, ratificando a intenção do presidente municipal, professor Carlito que também estava presente.

O pré-candidato a prefeito Luís da Amovelar Filho aproveitou para agradecer o apoio da legenda e se colocou à disposição do partido "Tenho convicção que esta é a nossa hora, a hora da juventude ajudar a reconstruir Coroatá, por isso aceitei o desafio colocado pelo nosso povo e disputarei a eleição deste ano ao lado de Domingos Alberto e de todas as lideranças de oposição que quiserem o bem de Coroatá, agradeço o apoio do meu partido e garanto que não os decepcionarei" declarou Luís Filho.

"Quando formos sentar com o governador Flavio Dino, tenham certeza de que Coroatá será uma das prioridades do partido" finalizou Monteiro.

Vereadores do PT em Coroatá

O presidente do Partido dos Trabalhadores aproveitou para informar que irá conversar pessoalmente com os dois vereadores da sigla em Coroatá, vereador Diôgo e vereador Juscelino, informando a decisão do partido e os convidando a fazer parte deste projeto que visa o maior crescimento do PT em todo o estado.


segunda-feira, 4 de abril de 2016

Ônibus escolar sem freio mata professora no centro de Coroatá



Segundo informações repassadas ao blog, um ônibus escolar que presta serviço à prefeitura de Coroatá e que possivelmente pode ser de propriedade de um vereador, teria perdido o controle por falta de freios no centro de Coroatá e acabou atingindo a professora Sandra, que estava parada no sinal.

O ônibus que estava lotado de alunos segundo mostram as imagens, já é antigo e problemas são constantes segundo relatos dos mesmos.

A professora veio a óbito no local e o motorista evadiu-se, a prefeitura prontamente tratou de mandar os  guardas municipais para protegerem o veiculo já que os presentes queriam incendiar o ônibus. As câmeras de segurança devem mostrar se as informações são mesmo verídicas, mas será bem difícil da família da vitima conseguirem as mesmas, já que os videos ficam sob o comando da prefeitura municipal.

Até o momento a prefeitura ainda não se pronunciou sobre o "acidente".


Saddam sai do PT e anuncia filiação ao PTN

Por meio de uma “carta aberta” divulgada nesta segunda-feira (04), o jovem Saddam Hussein Nunes anunciou sua desfiliação do Partido dos Trabalhadores.

Afirmando que filiação partidária não deve ser mero alistamento eleitoral, Saddam relembrou sua trajetória no PT, onde ingressou por convite do então vice-governador do Estado, Washington Luiz, de quem foi assessor.

De forma geral alfinetou que “o partido perdeu-se nos seus conflitos internos e na decepcionante ineficiência de diretórios”.

“Em Coroatá o PT perdeu-se nas suas indecisões e na falta de coragem para romper com quem só lhe usou. Perdeu (impotente) seu protagonismo e quem se apresenta com o interesse de encabeçar candidatura própria não supera as expectativas. Agora, às vésperas de uma importante eleição municipal, com uma inércia diretiva peculiar, o partido se vê perdendo várias e importantes lideranças, se depara com a falta de projeto para a cidade e se prepara de forma sofrível para ser linha auxiliar de uma candidatura dessas qualquer da oposição” disparou contra o diretório de Coroatá.

Saddam, que será candidato a vereador, justificou sua saída em razão das circunstâncias locais, explicando ser o único caminho para procurar um ambiente político que lhe seja mais favorável.

E por este ambiente partidário tumultuado e indefinido, é que novas baixas devem acontecer no PT.

Apesar da desfiliação disse acreditar na reação do Governo Federal para retomar a governabilidade e alavancar a economia. Defendendo o estado democrático de direito se opôs a qualquer tentativa de ruptura democrática.

PTN

Ao anunciar sua filiação ao PTN (Partido Trabalhista Nacional - 19), partido que integra a base de apoio da prefeita Teresa Murad, mostrou estar disposto e afinado com suas lideranças.

“Com a consciência tranquila e a sensação de ter decidido fitando os olhos no futuro, sigo mais convicto, com muita força e disposição, preparado para os próximos desafios” disse.

Presidido no Maranhão por Maura Jorge, prefeita de Lago da Pedra, e sob a liderança do Deputado Federal Aluísio Mendes, o partido tem movimentado o cenário político do Estado e conquistado dezenas de lideranças em todos os municípios.
No sábado, pela posse da sua direção estadual na Assembleia Legislativa em clima de grande convenção, o PTN mostrou que logo pode ser um dos maiores partidos do Maranhão.

Em tempo:

O blog tomou conhecimento de que o partido PTN, deveria ficar em Coroatá sob o comando do vereador Cássio (PSDB), já que o mesmo é aliado de primeira hora do deputado Neto Evangelista que é cunhado de Maura Jorge, presidente da sigla, mas ao que tudo indica, o deputado não quis entrar na briga contra Murad pelo partido em Coroatá.
 

Saddan e a direção do partido.

Como sempre disse o blog: Oposição deverá mesmo se dividir...

Pré-candidatos da oposição.

Desde que o governador Flávio Dino foi eleito governador do estado, este blog veio informar que o grupo de oposição de Coroatá deveria caminhar dividido por conta de interesses pessoais. O superintendente de articulação politica Sebastião Araújo, o Ciba, até que tentou levantar a bandeira da paz e juntou por um longo tempo todos os lideres de oposição, formou assim o G10, conseguiu conviver com todos até o mês passado, quando o ex-prefeito e o ex-vice resolveram sair do G10 e lançaram a candidatura da chapa Luis da Amovelar Filho (prefeito) e Domingos ALberto (vice).

Foi aí que a jiripoca piou, pois os demais pré-candidatos a prefeitos (Odair, Coronel Alexandre e Ciba) não agiram como esperava Domingos e Movelar, eles não abriram mão de suas candidaturas para apoiara a dupla, pelo contrário, se uniram e resolveram montar outra chapa para contrapor Movelar Filho e Domingos. Os pré-candidatos procuram os partidos políticos, acerca de dez, e as demais lideranças politicas e definiram para o dia 01 de maio, o lançamento da chapa do G10, que deverá ser escolhida após a realização de uma pesquisa interna. Quem vai 'abrir' pra quem, até o momento não se sabe, pois nenhum dos três pretende desistir até o momento.

Do outro lado dentro do mesmo lado (?), seguem Movelar pai, Movelar Filho, Domingos Alberto e o vereador Claudeci visitando a população diariamente reafirmando suas pré-candidaturas. Eles vem anunciando que dia 21 deste mês eles farão um grande evento para lançarem oficialmente a candidatura dos mesmos.

Ainda há também a pré-candidatura de Walter Santos, que por muitos anos fazia parte do grupo de oposição, mas que agora diz não abrir de forma alguma de sua caminhada rumo ao palácio Vitor Trovão. Walter é filiado ao PSD e já recebeu apoio da deputada Graça Paz e do presidente nacional da sigla, Gilberto Kassab.

Então, mais uma vez o blog digitou certo por linhas mais certas ainda e até o momento, o "racha" é inevitável no grupo de oposição.

Em tempo: Em contato com um vereador que faz parte do "G10" o mesmo garantiu "É melhor perder antes do que depois" Segundo informações, o que o vereador quis dizer é que caso Luis da Amovelar Filho chegasse a vencer as eleições, eles não teriam vez nem voz, portanto é melhor seguir com outra chapa com a certeza da derrota, mas sabendo que Movelar não voltará para a prefeitura, do quê apoiar Luis e continuar "sem prestigio".

Ô pensamento né, siô? O blog aposta agora, na força do governador Flávio Dino, que é quem deverá bater na mesa e dizer quem sai e quem continua, afinal, todos, de lá ou de cá (exceto Walter Santos), tem elo forte com o governo e devem obediência...

Sedes alerta municípios para envio de informações da frequência escolar de beneficiários do Bolsa Família



A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) alerta os municípios para o prazo de cumprimento das condicionalidades do Programa Bolsa Família (PBF). Já está em curso o processo para envio de informações sobre a frequência escolar dos beneficiários, relativa ao primeiro bimestre letivo deste ano. O prazo para envio dessas informações iniciou no dia 18 de março e vai até dia 29 de abril.

“Cabe às prefeituras encaminhar os formulários da frequência escolar às unidades de ensino, para que estas procedam com o preenchimento das informações necessárias, de forma que as gestões municipais possam alimentar o sistema do Governo Federal com os dados fornecidos pelas escolas às quais pertençam os alunos beneficiários”, explicou Neto Evangelista, secretario de Estado de Desenvolvimento Social.

A coordenadora do Bolsa Família no Maranhão e secretaria adjunta da Sedes, Ana Gabriela Borges, destaca a importância do procedimento e informa que o cumprimento das condicionalidades é condição primordial para a permanência dos beneficiários no programa.

Ela acrescenta, ainda, que além do Bolsa Família, o Maranhão é o único estado brasileiro que tem um programa de complementação de renda, que é o Bolsa Escola (Bolsa Família), cuja condicionalidade para participação também está atrelada às informações da frequência escolar do BF validada pelo Censo Escolar.

“Portanto, o cumprimento das condicionalidades se torna mais importante, uma vez que temos dois importantes programas de transferência de renda que necessitam dessas informações”, frisou a coordenadora do PBF.

Ana Gabriela esclarece que, caso as escolas ainda não tenham recebido o formulário do ‘Projeto Presença’, sistema por meio do qual é feito o acompanhamento da frequência escolar dos alunos, estas devem procurar as prefeituras de seus municípios para requisitarem o documento e fazerem o preenchimento. Somente as prefeituras podem alimentar o sistema ‘Projeto Presença’.

Segundo ela, é importante ressaltar também que, as famílias que mudaram os filhos de escolas devem informar à direção da nova unidade escolar em que estão matriculados, que as crianças são beneficiárias do Bolsa Família e, portanto, precisam ter o acompanhamento da sua frequência escolar. “Caso os beneficiários não tenham a sua frequência escolar informada no sistema, estes podem entrar na situação de ‘descumprimento de condicionalidade’, podendo, com isso, ter o benefício do Programa Bolsa Família suspenso ou bloqueado”, salienta Ana Gabriela Borges.

‘Mais Avicultura’ muda cenário de produção de frangos no Maranhão



Com apenas um ano de programa, o ‘Mais Avicultura’, que dispõe de tratamento tributário aplicável à cadeia produtiva do frango, está dando maior competitividade aos empreendimentos do setor instalados no estado, frente ao mercado nacional. A iniciativa contribui, também, para atrair mais empresas do setor avícola para o Maranhão. As ações estão mudando o cenário da produção de frangos, que registrou um aumento de 15% por mês, enquanto o Brasil registrou aumento de 3,5%.

O presidente da Associação de Avicultores do Maranhão (Avima), José Augusto Monteiro, explica que o ‘Mais Avicultura’ está incentivando o produtor e atraindo abatedouros e granjas para o Maranhão, e que a projeção que os empresários fazem é que, já em 2018, o Maranhão esteja produzindo 10 milhões de frango/mês e, em 2020, existe a expectativa de que 12 milhões de frangos estejam sendo produzidos mensalmente no estado.

“A avicultura vive um momento de estimulo para investimentos, não só para os produtores que estão instalados aqui, mas, para quem pretende se instalar no Maranhão. A tendência, é que a avicultura maranhense duplique a produção nos próximos dois anos”, disse.

De acordo com secretário de Indústria e Comércio (Seinc), Simplício Araújo, o Maranhão tem uma vocação natural para a avicultura e o crescimento da produção afirma a potencialidade do setor, o que reflete ainda em outras cadeias.

“Em 2014, o Estado produziu 3 milhões de aves/mês. Com as ações do ‘Mais Avicultura’, em 2015 registramos a produção de 3,5 milhões de aves/mês, um aumento de 17%. O que demostra que o Governo Flávio Dino, está no caminho certo para o adensamento da cadeia, o que irá contribuir para o crescimento econômico e de outras cadeias, como a de grãos”.

Mais Ações
Além da elevação da produção, o Programa trouxe ações que estão contribuindo para o fortalecimento das atividades do setor, como a portaria nº 003, de 12 de janeiro de 2016, que proíbe no Estado a entrada de aves vivas adultas tipo frango de corte, como medida de controle sanitário e de interesse de saúde pública.

Outra medida, foi a assinatura do termo de compromisso entre Seinc, Avima e Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged), com o intuito de desenvolver o setor avícola do Maranhão, por meio de ações conjuntas de defesa, inspeção e educação sanitária do Programa Estadual de Sanidade Avícola (Pesa/Ma).

Mais de 83 mil candidatos comparecem ao seletivo da Saúde



O governo do Estado realizou, neste domingo (3), por meio da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), seletivo público para a área de saúde. As provas objetivas, para níveis fundamental, médio e superior, foram realizadas em São Luís e em quatro cidades do interior estado: Codó, Timon, Imperatriz, Santa Inês e Presidente Dutra.

São ofertadas 7902 vagas e dos mais de 100 mil inscritos, mais de 83 mil compareceram aos locais de provas. As provas, organizadas pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab), foram realizadas nos turnos da manhã e tarde.

O subsecretário da Secretaria de Estado de Saúde (SES) e presidente da Empresa, Carlos Lula, fez uma avaliação positiva do processo e falou sobre a relevância da realização de um seletivo desse porte. “O seletivo é uma forma mais segura de balizar a entrada dos profissionais na rede de saúde do estado. Estará ali apenas quem tem qualificação para ocupar o posto. Estará ali somente quem passou pelo processo de forma transparente e impessoal”, disse. Ainda de acordo com o subsecretário, a efetivação do seletivo para os profissionais de saúde só confirma o comprometimento do governo Flávio Dino com melhoria da saúde do estado.

A Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab) envolveu cerca de 6.500 pessoas, desde logística à fiscalização, na realização do seletivo. As provas ocorreram simultaneamente na capital São Luís, em Codó, Timon, Imperatriz, Santa Inês e Presidente Dutra.

Com salários que chegam a R$ 4.500 os aprovados no seletivo atuarão em hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) situados nas regionais de saúde em São Luís, Imperatriz, Codó, Presidente Dutra, Santa Inês e Timon.

Gabarito e resultado


O resultado preliminar será divulgado a partir de 11 de abril, e o resultado final em 2 de maio. O gabarito da prova objetiva de múltipla escolha será publicado terça-feira (5), no site www.funcab.org. Já a divulgação do gabarito oficial e divulgação das notas das provas estão previstas para 24 de abril de 2016.

quinta-feira, 31 de março de 2016

Dr Carlos Portela deverá ser a grande surpresa das próximas eleições para vereador

Carlos Portela e Simplício Araújo, presidente estadual do Solidariedade.

O advogado Carlos Portela que já disputou duas eleições para vereador em Coroatá, ao que tudo indica, deverá surpreender nas eleições de outubro próximo. Isso porquê o jovem que amadureceu e começou a aprender a fazer politica já figura como um dos prováveis eleitos do próximo pleito.

Portela, que ficou como suplente nas ultimas eleições por falta de 13 votos, passou os quatro anos se preparando, buscando apoios e agora está pronto para enfrentar mais uma vez as urnas. Ele está atualmente no Partido Solidariedade, e é atual presidente da sigla na cidade, apoia a pré-candidatura de Coronel Alexandre e tem como principais apoiadores, famílias populosas e formadoras de opiniões, além claro do apoio do empresário Ronnes Reis que é querido pelo povo Coroataense e tem grande influencia na capital do estado.

Em tempo:

O blog pontua que na parte de articulação politica, Portela está muito bem, agora é hora de partir para o dialogo com a população, intensificar visitas, e claro, apresentar propostas convincentes e que serão cumpridas ao longo do seu futuro mandato.

Após reunião com governador do Estado, Dnit inicia obras de recuperação da BR-135



Após reunião do governador Flávio Dino com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), na última terça-feira (29), o órgão iniciou os trabalhos de recuperação da BR-135 já nesta quarta-feira (30). A restauração da principal via de acesso para a cidade de São Luís será feita em duas etapas: uma do quilômetro 0 até o quilômetro 69, localizado na cidade de Santa Rita, que já foi iniciado; e o outro do quilômetro 69 até o 199, em Caxuxa, que deve começar, segundo o Dnit, na próxima semana.

O coordenador geral de manutenção e restauração do Dnit, Fábio Pessoa, explicou que o governador Flávio Dino entrou em contato com o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, que acionou o presidente nacional do órgão, Paulo Sérgio Passos, enviando assim uma equipe ao Maranhão para fazer um cronograma e agilizar as ações de recuperação tanto da BR-135, quanto da BR-222.

“A participação do governador Flávio Dino foi realmente decisiva para que a gente resolvesse esse problema de manutenção que, agora, com certeza, com o cronograma ajustado, nós retomaremos e solucionaremos na BR-135”, destacou o coordenador.

Pessoa explicou que o Departamento iniciou as atividades com duas equipes realizando a manutenção do início do primeiro trecho estabelecido. “Hoje a gente conta com duas equipes fazendo manutenção, até o final desta semana serão quatro, e até na próxima semana nós já teremos oito equipes trabalhando na manutenção da primeira parte. O trecho do quilômetro 69 até o quilômetro 199 nós estamos com a previsão de abertura das propostas do edital na segunda-feira (4 de abril). E se nós não tivermos nenhum problema na licitação, a empresa que ganhar a licitação já começa imediatamente”, informou.

Paralisação por problemas contratuais

Fábio Pessoa explicou que a situação caótica da principal estrada federal do Maranhão foi ocasionada pela paralisação das obras por parte do consórcio responsável pelo serviço.

Em nota, o superintendente regional do Dnit no Maranhão, Maurício Itapary, explicou que o Consórcio paralisou os serviços de restauração contratados sem a apresentação de justificativa minimamente plausível para o insólito fato. “Fizemos a revisão do antigo Consórcio que estava no trecho, por desempenho ser fraco, fizemos as novas licitações e esperamos de imediato que a gente comece os serviços”, disse Itapary durante reunião com governador.

Professor João Filho se filia ao PSB

Professor João Filho ao lado de Cici Almeida e Domingos Alberto.

João Filho é Professor concursado da Prefeitura Municipal de Coroatá, nascido em Teresina PI veio para a cidade de Coroatá com o intuito de trabalhar em prol do desenvolvimento educacional, logo em sua chegada se deparou com um total descaso do governo atual para com o magistério. Como a maioria dos professores que estudam a história, não se conformou com a realidade que vivenciava, decidiu travar uma batalha junto com seus companheiros de profissão que também não se intimidam com nenhuma forma de governo autocrata, tirano, que objetiva apenas satisfazer suas próprias necessidades.

O papel do Educador é tentar de todas as formas mudar a realidade social para promover o bem estar da população, sendo que a transformação se torna viável apenas priorizando a educação, e infelizmente isso não acontece. Visualizando o total descaso de muitos políticos, decidiu se colocar a disposição do povo; lançando sua pré candidatura para vereador desta cidade que lhe acolheu de forma especial. Hoje pela manhã se filou ao Partido Socialista Brasileiro PSB no município de Coroatá.

Do Coroatá Conectado.

Weverton Rocha garante que PDT não vai abandonar Dilma



Depois do anúncio da saída do PMDB, uma espécie de “debanda partidária” é esperada dentro do Governo Federal. Siglas como PP, PR e PSD podem ser favorecidas com essas mudanças. Nessa terça-feira (29), o prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, defendeu o imediato afastamento de seu partido, o PDT, do governo federal.

Os rumores sobre a possibilidade da saída do PDT da base do Governo Dilma, tiveram repercussão na Executiva Estadual do partido. Segundo o presidente estadual, deputado federal Weverton Rocha, não existe a menor possibilidade do PDT no Maranhão deixar de ocupar a base do Governo Federal. “Temos posição tomada, ficaremos até o final”, disse.

O deputado ainda destacou a posição do partido: “Temos lado, a nossa história não nos permite ser conivente com esta armação que está aí sendo orquestrada”. E ainda afirmou que não existem motivos para o impeachment da presidente Dilma. “Baixa popularidade não é motivo para tirar governo”.

Ao manifestar o posicionamento do PDT em relação à saída do PMDB do governo da presidente Dilma Rousseff, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, disse que considera “no mínimo estranho o comportamento do PMDB”, partido que, conforme aponta Lupi, durante os oito anos do governo Lula, foi sócio majoritário do PT ocupando “vários e amplos espaços”.

Lupi também chamou a atenção para o fato de que outros dois peemedebistas são beneficiários diretos dessa decisão de romper com o governo Dilma, já que ambos estão na linha sucessória da Presidência da República: o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha – que tem várias denúncias, inclusive comprovadas e sendo apuradas pelo Ministério Público – e o presidente do senado, Renan Calheiros.

“E o maior beneficiário dessa decisão de rompimento e encaminhando o PMDB para parte dele votar a favor do impeachment, é o senhor Michel Temer, que é vice-presidente da República e o sucessor natural de um possível impedimento da presidente Dilma”, ressaltou.

Em entrevista ao jornal carioca “O Dia”, o ex-ministro e ex-governador Ciro Gomes disse que o impeachment da presidente Dilma “é golpe”, classificando o vice-presidente da República, Michel Temer, como “chefe da facção”; e criticou o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, também do PMDB, que esta semana iniciou na Câmara o processo de impedimento da presidente Dilma Rousseff. “Esse é o maior erro da história da República, desde que eu milito na luta política há 30 anos”.