sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Marcos Pacheco e Rosângela Curado já no batente!

O Secretário Marcos Pacheco e a Subsecretária Rosângela Curado indicados pelo governador eleito Flávio Dino (PCdoB) para comandar a Secretaria de Saúde do Estado cumpriram agenda nesta quarta (17) em Imperatriz.

O primeiro compromisso foi uma visita a unidade de oncologia do Hospital São Rafael onde foram recebidos pelos diretores da instituição. O Hospital Santa Mônica e o HC que mantém parceria com o Estado também foram visitados, além da Associação Médica de Imperatriz – AME e o Hospital Regional Materno Infantil de Imperatriz.

A agenda na segunda maior cidade do Estado além de visitar “in loco” as unidades de saúde objetiva concluir a finalização do mapa de ações que já está sendo elaborado e que subsidiará as ações da pasta logo após a posse do governador eleito.

Estiveram presentes várias autoridades dentre as quais o futuro Secretário de Infraestrutura do Estado Clayton Noleto, o deputado estadual eleito Marco Aurélio (PCdoB), o diretor administrativo do HMI Ricardo Matos e os vereadores Adonilson e Carlos Hermes.


Do blog do Samuel, com contribuição do Blog da Kelly.

Hoje tem Toca do Vale na vaquejada de Coroatá



E o grande dia chegou, começa hoje (19), a grande vaquejada da fazenda Coroatá, e quem animará este primeiro dia de festa é a banda é Toca do Vale, trazendo o famoso forronerão, ritmo mais tocado pelas bandas do Ceará que se propagou por todo circuito do forró tornando algumas bandas especialistas que só tocam neste estilo, transformam todos os ritmos numa pancada sensacional, hoje indiscutivelmente um dos mais populares ritmos dentro do próprio forró.

A organização do evento informa que já está tudo pronto e que o show terá uma grande equipe de segurança, além de muita diversão. A fazenda Coroatá fica localizada na entrada de Coroatá, mais precisamente na MA 020 que liga Coroatá a Vargem Grande. Amanhã (20), quem comandará a festa é o cantor Willey Gomes, ex vocalista da banda Furacão do Forró.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Secretaria de saúde no governo de Teresa Murad poderá trocar de comando mais uma vez no início do próximo ano

A professora graduada em Biologia, Joelma Gonçalves, nem mesmo esquentou a cadeira de secretária municipal de Saúde após a saída de Raimunda Carneiro, que retornou a direção adjunta administra do Hospital Macrorregional, deverá deixar o cargo nos primeiros dias do ano que se aproxima para que este seja ocupado pela psicóloga Esther Moura, que conclui compulsoriamente em breve o seu trabalho à frente do Hospital de Peritoró.

A psicóloga, que ocupou o cargo de secretária municipal de Assistência Social no governo do ex-prefeito Luís da Amovelar (PT) goza de mais alto prestígio junto ao ex-secretário e quase ex-deputado Ricardo Murad (PMDB).

Caso se concretize a substituição, será o quarto nome a ocupar a pasta no governo da prefeita sub judice Teresa Murad (PMDB) na tentativa de acertar no comando da política que não conseguiu, sequer, reabrir o Hospital Geral Municipal no qual já foram foram gastos mais de 5 milhões de reais em reformas que parecem não ter fim.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Ricardo Murad: de ministro de Estado a secretário municipal

Foto: Reprodução/Internet
Desde que publicamos nesta segunda-feira, 15, a nota em que apresentamos, em primeira mão, o desejo do ainda deputado estadual sarneysta Ricardo Murad (PMDB) em fixar moradia no município de Coroatá e tornar-se mais uma vez secretário municipal de Educação do município, muito do nossos leitores nos alertaram para um detalhe que havíamos esquecido na oportunidade.

Pois bem, muitos sabem que durante a campanha do segundo turno Ricardão anunciou aos aliados que trabalhasse a morrer pela reeleição da presidenta Dilma Rousseff (PT), pois com sua vitória o então secretário de estado de Saúde se tornaria nada mais nada menos que Ministro da Saúde. Quanta petulância!!!

Anunciou ainda nos quatro cantos de Coroatá que do Maranhão não seria ele apenas dos sarneystas a ser contemplado com benesses da petista, mas que o patriarca da oligarquia, José Sarney, ocuparia o cargo de Ministro da Cultura e sua filha a então governadora Roseana Sarney substituiria o senador Edison Lobão no Ministério de Minas e Energia, assim não deixaria a jacarezada "desamparada" e ainda arruinaria o futuro governo do comunista Flávio Dino. Muitos acreditaram.

Ainda estar em tempo para que os desejos, pretensões ou alucinações do megalomaníaco torne-se realidade, mas os rumos que a carruagem sarneysta tem tomado neste fim de meio século no comando do Maranhão pode-se dizer que isto jamais acontecerá. Estaria a presidenta de Dilma perturbada a ponte de complicar ainda mais o seu governo e a sua popularidade nomeando para o primeiro escalão figuras tão indesejadas não apenas no estado de origem, mas também em todo o país?

Sendo assim, só resta ao tratorzão, arrumar as suas malas para retornar as suas origens para de muito próximos atazanar a vida dos seus opositores que tanta dor-de-cabeça tem lhes causado na última década.

Juiz que concedeu liminar para Ricardo e Teresa Murad será substituído no TRE-MA por advogado que defendeu Jackson Lago

Daniel Leite (Foto: Reprodução/Internet)
O desembargador Daniel Blume, que concedeu a liminar que suspendeu a decisão que cassou em 13 de novembro deste ano o mandato da prefeita Teresa Murad e sua vice Neuza Muniz (ambas do PMDB), assim como os direitos políticos do ainda deputado estadual Ricardo Murad, foi substituído no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão - TRE/MA no dia de ontem, 16, por seu homônimo, o advogado Daniel Leite, através de ato da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Assim, Leite tornará-se membro efetivo do pleno do TRE/MA, o contrário de Blume que ocupará até a posse do seu sucessor uma vaga apenas como substituto desde que o juiz Sergio Muniz deixou a corte ainda no ano passado. O futuro desembargador eleitoral, que deverá tomar posse no início do próximo mês, é considerado um dos maiores especialistas no assunto em todo o estado e desempenhará a função pelos próximos dois, prorrogáveis por mais dois.

Atualmente Daniel Leite é procurador do município de São Luís (MA), onde já exerceu os cargos de chefe da assessoria especial do procurador-geral e de procurador-geral adjunto, assim como já exerceu a presidência da Comissão Central de Licitação de São Luís, a direção-geral do Tribunal de Justiça do Maranhão - TJ/MA, mas nunca sem deixar de exercer a advocacia, com ênfase nas searas eleitoral e administrativa.

Porém, o fato que tornou o próximo desembargador do TRE-MA conhecido no cenário político estadual foi a sua defesa no processo que cassou o mandato do ex-governador pedetista Jackson lago.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Rubens Jr. rumo à Câmara Federal‏

Da Ascom

O deputado estadual Rubens Pereira Jr. (PCdoB), usou o grande expediente da sessão plenária para destacar as ações que marcaram seus dois competentes mandatos de deputado estadual nos últimos oito anos. Eleito com 118.115 mil votos para deputado federal nas eleições deste ano, o parlamentar agradeceu ao apoio e parceria dos demais deputados que fizeram parte de sua caminhada.

O líder da oposição lembrou com tristeza sobre a perseguição ao saudoso ex-governador, Jackson Lago, que resultou na injusta cassação e consequente morte do mesmo. Lembrou também de sua luta ao lado do PCdoB, partido em que se filiou em 2009, para em seguida se tornar o primeiro deputado democraticamente eleito pelo partido em 2010.

Ao logo dos oitos anos, o parlamentar Rubens Jr. apresentou mais de 500 discursos e debates diários que mudaram a conduta do executivo estadual, além de diversos projetos de decreto (03), indicações (91), projeto de resolução (06)​, requerimentos (113)​, projetos de lei (35​) e até propostas de emenda a constituição estadual (02).

Rubens Jr. agradeceu à sua família, pelo apoio dado durante sua criação e se emocionou ao citar suas avós, figuras que segundo o parlamentar representam a luta pela qual ele passou até os dias de hoje. "A mãe do meu pai, era quebradeira de coco, lá da cidade de Matões, semianalfabeta, com muita luta formou seus filhos e deu instrução moral para garantir que todos se tornassem bons cidadãos. Ela aprendeu a ler o suficiente para fazer as suas orações. A minha outra avó, Maria da Conceição, aprendeu a ler com 10 anos de idade, passou no vestibular com 33 anos de idade, juíza linha dura, aposentou há pouco tempo e tem como uma das maiores qualidades a sua retidão."

Um dos capítulos mais importantes da trajetória política de Rubens Jr. sem dúvidas é a liderança do Bloco Parlamentar de Oposição. A partir do BPO, saíram importantes ações e denúncias que ajudaram a combater o desvio de verbas públicas e, principalmente, contribuir com a realização de eleições limpas em 2014. O deputado parabenizou o governador eleito, Flávio Dino, destacando a importância da oposição para a vitória nesta eleição.

Para finalizar, Rubens Jr., citou Martin Luther King como forma de expressar sua gratidão pelo aprendizado adquirido ao longo de dois mandatos como deputado estadual. "Não fiz o melhor, mas fiz tudo para que o melhor fosse feito. Não sou o que deveria ser, mas não sou o que era antes. Saio com a cabeça erguida, com as mãos limpas, com a sensação do dever cumprido e com a certeza que o melhor ainda está por vir."

Após deixar a Assembleia, Murad fixará moradia em Coroatá onde deverá ser secretário de Educação no governo da esposa

Foto: Acom/ALEMA
Após cinco anos à frente da Secretaria de Estado de Saúde - SES no governo da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) e mais um mandato na Assembléia Legislativa do Maranhão - ALEMA o deputado Ricardo Murad (PMDB) dificilmente terá espaço no cenário político estadual, o que foi evidenciado principalmente nos últimos dias após o seu retorno ao Palácio Manoel Bequimão, onde atualmente mais parece um mero desconhecido, tamanho o isolamento, resultado das muitas inimizades que fez entre os seus (de novo) companheiros de parlamento, especialmente durante o período eleitoral afim de eleger dois sucessores para o legislativo, Andrea Murad e Souza Neto (ambos também do mesmo PMDB).

Para não sumir de vez do mapa e da política maranhense o deputado deverá fixar, a contra-gosto, moradia no Sítio Cajueiro, de onde passará a comandar mais de perto os rumos do governo da esposa, a prefeita sub judice Teresa Murad (PMDB), não apenas como liderança política ou conselheiro-mor da mandatária, mas, a partir de então, também como secretário municipal de Educação, cargo que já ocupou no governo do sobrinho Rômulo Augusto (1997/2004) e que exigiu novamente para si, do qual passará a comandar de "próprio punho" (sem intermediário como tem ocorrido até então) a maior transferência de recursos federais para o município de Coroatá, conforme nos confidenciou fontes muito próximas ao casal.

É do sítio de sua propriedade que Murad acompanhará, agora de muito perto, cada passo do seus subalternos e também dos seus inimigos políticos. A jacarezada vai pirar e a oposição terá que "pisar miúdo" para não dar assunto ao ainda mais raivoso Ricardão.

Rubens Jr. exige punição para Roseana Sarney

Da Ascom

Na sessão legislativa desta segunda-feira (15), o deputado estadual Rubens Jr. ocupou a tribuna para fazer uma análise dos recentes acontecimentos que envolvem a ex-governadora Roseana Sarney. “Na ultima quarta-feira aconteceu a renuncia da governadora, deixando o governo alegando motivos pessoais, mas a verdade é que ela já sabia da tempestade que vinha”. Identificou a conduta da ex-governadora o líder da oposição.

No último fim de semana a revista Veja trouxe uma matéria com relatos da contadora Meire Poza. Em depoimento confirmou que a governadora do estado havia recebido o valor de 900 mil reais, entregues nas dependências do Palácio dos Leões. Propina que era paga pelo doleiro Alberto Youssef, preso na operação Lava Jato, em São Luís.

O deputado Rubens Jr. cobrou explicação e punição dos envolvidos que usaram do dinheiro público para promover suas falcatruas, utilizando os seus cargos no governo. Em vez de a governadora explicar as denuncias que ela diz ser mentirosas, ela renunciou ao governo do estado do Maranhão de forma inédita, inaugurando a sua própria operação “Renuncia a Jato” ou “Fuga a Jato”, explicitou o parlamentar na tribuna.

Todas essas práticas proporcionou à governadora Roseana Sarney uma das maiores rejeições política do país, uma vez que o governador eleito Flavio Dino teve a segunda maior em votação percentual. O recado dado pela população é que o Maranhão não quer mais esses atos criminosos, utilizando o poder político.

Tudo pronto para a posse do governador Flávio Dino



A transmissão de governo deverá ser diferente das demais, conforme previsão da assessoria do governador eleito, Flávio Dino (PCdoB). Antes, feita em ambiente fechado, ela deverá agora ter ampla participação do público. A solenidade está marcada para acontecer logo após a posse oficial, na Assembleia Legislativa, no dia 01 de janeiro do próximo ano.

Antes de receber os cumprimentos da população, Flávio Dino terá que cumprir ritual de posse, que deverá acontecer no início da tarde do dia primeiro, a partir das 14h. A assessoria do governador eleito informou que a solenidade deverá contar com a participação de lideranças nacionais, cujos nomes ainda vão ser divulgados.

Quanto à participação de apoiadores nacionais de outros partidos, a assessoria de Dino declarou que a participação ainda estará sujeita à agenda dessas personalidades, que terão participação em posses em outros estados.

Quanto às lideranças locais, a assessoria informou que personalidades de grande expressão na história do Maranhão e que declararam apoio a Dino também deverão estar presentes, como o líder camponês e um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT), Manoel da Conceição, deverá estar presente durante toda a programação.

Apesar de seguir quebrando o protocolo usual, como o fato de anunciar o secretariado pelas redes sociais, Dino não terá como inovar muito na Assembleia, já que deverá seguir o ritual já previsto pelo cerimonial da Casa Legislativa. Ao que indica, ele fará o discurso da posse em dois momentos: tanto na Assembleia, quanto quando estiver em frente ao Palácio.

O próprio Flávio Dino já postou convite aberto ao público em seu perfil pessoal da rede social Twitter. “Convite para nossa posse no Governo do Maranhão, 1 de janeiro, em frente ao Palácio dos Leões. Todos convidados”, ressaltou o governador eleito. O conteúdo do convite aponta para as 17h o início do evento.

De acordo com as informações repassadas para a reportagem do jornal O Imparcial, a programação da transmissão de governo, em frente ao Palácio dos Leões deverá ser leve e com ampla participação popular.

Com informações do Imparcial.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Por onde andarás China Murad?

China em recente postagem nas redes sociais.

É uma pergunta que com frequência está sendo feita nos corredores da prefeitura municipal de Coroatá, desde que Winglitton Rocha Barros, o China, saiu da secretaria da casa civil e de esporte de Coroatá sem avisar nem mesmo suas 'funcionárias' mais próximas. 

Segundo informações apuradas por nossa reportagem, China teria se afastado de Coroatá para coordenar a campanha de sua ex-posa Andrea Murad, e como todos sabem eles acabaram se estranhando por conta do comportamento de China que inclusive acabou sendo manchete de vários blogs da capital, como exemplo o blog do Luis Pablo (Clique aqui para ver a matéria) outro fato que o afastou de Coroatá foi a acusação de agressão, segundo o blog do Luis Pablo, ele teria agredido a sobrinha do deputado Manoel Ribeiro (Clique aqui para ler a matéria) essa teria sido a gota d'água para que Murad ordenasse seu afastamento tanto de Coroatá como da campanha de Andrea.

Fontes fidedignas informaram que China continua frequentando a mansão dos Murad no olhos d'água, mas que ainda não conseguiu retornar para Coroatá, onde mandava e desmandava na ausência de seus chefes Ricardo e Teresa Murad.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Tatiana Pereira, futura secretária de estado de Juventude, recebe o coroataense Erinaldo Rodrigues

Do blog Coroatá OnLine

O ex-secretário de juventude de Coroatá, Erinaldo Rodrigues, esteve reunido no início desta semana, em São Luís, com a próxima secretária estadual de Juventude, a engenheira Tatiana Pereira, que foi escolhida para assumir a pasta no governo de Flávio Dino (PCdoB).

Entre os objetivos do encontro estava a intensão de articular a juventude na região dos cocais, onde Erinaldo colocou seu nome à disposição para contribuir e fortalecer o seguimento jovem no estado. Também buscou saber da futura secretária de juventude, qual planejamento ela pretende usar quando assumir a secretaria. Erinaldo disse estar satisfeito com as ideias apresentadas, principalmente em querer ouvir a juventude maranhense e colocar em prática experiências com projetos de inclusão social que deram certo em outros lugares.

“Eu sinto-me representado pela Tatiane, o nosso governador Flávio Dino demonstra através dessa indicação que a juventude maranhense pode sonhar em ser um dos grandes seguimentos para contribuir com o crescimento do nosso estado. Diz também que seu governo é de participação popular quando coloca uma jovem humilde, moradora de periferia, negra e mulher, pra direcionar um novo rumo à nossa juventude. Todos esses objetivos demonstram o quanto a nova secretária está preparada para conhecer nossa realidade na própria pele. Parabéns a guerreira Tatiane e que sua gestão seja uma gestão de grande sucesso”, disse Erinaldo ao Coroatá Online.

Notas rápidas da última sessão ordinária deste ano

Cássio Reis, Marcelo Moura e Juscelino Araújo: oposição afinada na última sessão do ano
Férias à conta-gotas

O projeto de Lei do Executivo Municipal que diz antecipar 1/12 do 1/3 de férias dos Agentes Comunitários de Saúde – ACS, mas na verdade parcela mensalmente este benefício, foi discutido na sessão de hoje, 11. Em discurso Marcelo Moura (PTC) disse o fatiamento do 1/3 de férias dos ACS “apenas prejudica o conforto do funcionário em seu momento de férias” e pediu que a proposta fosse encaminhada para que fosse discutida cautela em comissões, mas teve seu pedido rejeitado em votação do plenário. Após o debate a proposta foi aprovada com a abstenção dos três oposicionistas presentes, sob a orientação do vereador Cássio Reis (PSDB), que fez vez de líder da sua bancada na ausência de Raimundo Diôgo (PT), e que entendeu a que a aprovação da matéria não beneficia os ACS.

Orçamento para 2015

Em seguida o plenário discutiu e aprovou por unanimidades dos 11 vereadores presentes, destes os oposicionistas Marcelo Moura, Cássio Reis e Juscelino Araújo (PT), o projeto de Lei Orçamentária Anual – LOA para 2015 que voltou da Comissão de Orçamento, Fiscalização, Obras Públicas e Planejamento com o voto favorável do relator lido pelo governista Jocimar Pereira (PMDB).

Presente natalino aos comissionados

O vereador Cássio Reis classificou como calote e enganação aos funcionários comissionados a redução de 25% do salário dado pela prefeita em exercício Neuza Muniz (PMDB) como presente de Natal. “Muitos acreditaram nas promessas de campanha, quando diziam que valorizariam o funcionalismo, assim como acreditaram que a redução imposta no início do mandato da prefeita Teresa Murad (PMDB) pudesse ser temporária, mas que com aprovação desta proposta se tornará permanente”, declarou o parlamentar que votou em seguida pela desaprovação do projeto juntamente com os colegas Marcelo Moura e Juscelino Araújo.

À flor-da-pele

A última sessão deste ano 2014 foi tumultuada, a começar por discussão acalorada entre os vereadores oposicionista e o presidente César Trovão (PV) que cassou o direito dos vereadores oposicionistas presentes se pronunciarem a respeito da permanência da redução do salário de servidores. Em dado momento um popular que acompanhava a sessão da galeria, que apresentou-se como estudante de direito, tentou invadir o plenário da Câmara esbravejando um suposto direito a manifestação, atendeu a pedido e desistiu da empreitada.

E por fim...

O presidente César Trovão, que não permaneceu até o final da sessão nomeou a comissão que será responsável por responder por aquela Casa durante o período de recesso, que será presidida pelo governista Jocimar Pereira e terá ainda como membros os parlamentares Wllisses Muniz (PMDB), Juscelino Araújo e Josean Veras (PSC).

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Tatiana Pereira se reúne com Juventude do Solidariedade e reitera compromisso com os jovens maranhenses.



Indicada pelo governador eleito Flavio Dino para ser a nova secretaria de juventude do Maranhão, a jovem Tatiana Pereira se reuniu terça-feira (09) com a juventude do partido Solidariedade. Foram debatidos temas relacionados à pasta que Tatiana comandará. Na ocasião, a secretária apresentou um resumo de como pretende trabalhar.

"Vamos primeiramente priorizar o diálogo para que todos os jovens maranhenses ajudem a melhorar nosso estado. Teremos, daqui pra frente, uma política para fazer o Maranhão crescer e se desenvolver" afirmou Tatiana.

Para o presidente da juventude do Solidariedade Páblo Lima, a reunião foi bastante proveitosa e serviu para mostrar que o novo governo quer dialogar com a população. "Tatiana vem do movimento de juventude e agora está colocando em prática tudo que aprendeu. Ficamos felizes que ela tenha vindo dialogar sobre como podemos melhorar o nosso estado."

Ricardo Murad um peixão fora d’água

Do blog do Clodoaldo Corrêa

A principal novidade da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (11) estava no fundo do plenário a sessão toda em pé com o celular na mão e tomando um cafezinho.

Ricardo Murad, como de praxe, chamou a atenção pra si. E causou a dúvida se estava tentando ficar acima dos demais (literalmente) ou estava de fato constrangido em meio aos deputados e da forma que saiu da secretaria estadual de Saúde.

Um deputado perguntou se Ricardo não iria utilizar a tribuna pelo menos para saldar pela sua volta. Ele só respondeu: “O clima está meio frio pra mim aqui”

Municipalização da UPA de Coroatá é "estória" pra boi dormir

UPA de Coroatá inaugurada em setembro de 2011
Isso mesmo, nunca houve no senado federal, qualquer projeto que diz respeito a municipalização das Unidades de Pronto Atendimento - UPA 24 no estado do Maranhão e, consequentemente, no município de Coroatá, estas que são federais e administradas pelo governo do estado. A "estória" mal contada surgiu em um perfil numa rede social, talvez apenas para iludir algumas pessoas de que isso seria possível, o que não passa de uma mentira deslavada.

A falsa notícia (conhecida como barrigada no jargão jornalístico) divulgada a exaustão em páginas e programas da rádio do deputado em final de mandato Ricardo Murad foi comemorada com pompas pelos funcionários da UPA Coroatá, que fizeram questão de publicar fotos da comemoração realizada no momento em que deviam estar mesmo era prestando serviços de saúde aos usuários.

Vamos aos pontos mentirosos da dita notícia. 1) No dia de ontem (10),e em consulta realizada na página do Senado Federal, não consta sequer alguma discussão sobre este tema e 2) que o boato informa que o Projeto de Lei do Senado - PLS 653/2014 foi aprovado na madrugada, outra mentira pois em contato com o senado federal através do número 0800612211 (Alô Senado) fomos informados que a sessão não durou até a madrugada e que isso ocorre raramente.

No Maranhão, existe a Comissão Intergestores Bipartite - CIB, que é quem decide tudo a respeito das decisões da secretaria de saúde, o blog também entrou em contato com membros desta comissão que informaram que a municipalização das Upas não foi aprovada na última reunião que aconteceu na terça-feira (09) e que outra reunião deste tipo somente acontecerá em 2015. Ou seja as UPAs continuarão sendo administradas pelo Governo do Estado do Maranhão, mais precisamente pelo governador Flávio Dino (PCdoB) e seus aliados após 1º de janeiro do ano que se aproxima.

Então é isso, o resto é boato de quem ainda não se acostumou com a ideia de ter perdido a "vaquinha-leiteira" do Governo do Estado.

Para saber tudo que foi debatido ontem no Senado ligue grátis para o Alô Senado 0800612211 ou clicando aqui.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Ricardo Murad acompanha Roseana Sarney e deixa a secretaria de Saúde para reassumir a Assembleia amanhã,11

Foto: Reprodução/Internet
Com informações do blog do Clodoaldo

Na tarde desta quarta-feira, 10, o secretário de estado de Saúde, Ricardo Murad (PMDB), renunciou do comando da Secretaria de Estado de Saúde - SES, acompanhando a decisão da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), mas, principalmente, antevendo a sua exoneração do cargo pelo agora governador interino, o deputado estadual Arnaldo Melo (PMDB), assumindo em seu lugar, até segunda ordem, José Marcio Leite, até então seu adjunto na pasta.

Aparentemente, ficará para governador Arnaldo Melo garantir a continuidade do atendimento até 1º de janeiro, quando Flávio Dino assumirá o governo, mas irá se depará nas primeiras horas com problemas de todos os tipos, alguns deles levarão anos para que sejam sanados. Para os poucos dias do tão sonhado reinado de Melo (e os primeiros dias do governo comunista) a imprensa estadual e nacional denunciam que nas unidades da rede estadual de saúde em São Luís o problema é gravíssimo, a começar pela falta de materiais básicos para o atendimento ambulatorial, tais como na maternidade Marly Sarney onde, por exemplo, estão faltando luvas e gazes, o mínimo para o funcionamento de um hospital.

Daí, se pode imaginar como está no interior...

Neste domingo (7), estranhamente, caminhões da SES retiraram materiais das unidades de saúde de Coroatá, onde a prefeita é a mulher de Ricardo, Teresa Murad. Macas e leitos foram vistos sendo colocados nos caminhões, que ninguém sabe o destino. No mínimo, estranho.

Com a sua renúncia, o deputado até então licenciado reassume amanhã, 11, a sua vaga na Assembléia Legislativa onde, nos últimos dias do seu mandado, deverá espernear e defenestrar as mais infundadas acusações e os piores adjetivos ao governador que assumirá em 1º de janeiro, Flávio Dino, eleito em primeiro turno com 63,52% dos votos.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Na Fiema, Flávio Dino anuncia criação do Conselho Empresarial do Maranhão para janeiro‏



O governador eleito Flávio Dino deu continuidade na noite desta quinta-feira (04) ao diálogo com a classe empresarial. Ao lado de secretários já anunciados, Flávio Dino reforçou sua disposição de instaurar um novo projeto de desenvolvimento no Estado e anunciou a implantação do Conselho Empresarial do Maranhão.

A ideia é instaurar o Conselho a partir do dia 5 janeiro de 2014 e iniciar um ciclo de diálogo permanente entre a administração estadual e a iniciativa privada. De início, o governador eleito declarou que farão parte do conselho a Associação Comercial do Maranhão (ACM), a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Maranhão (Faema), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) e a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema).

Parabenizando a iniciativa do governador eleito Flávio Dino, o presidente da Fiema, Edilson Baldez, reforçou a esperança na nova administração estadual. “Este será um novo governo, com novas diretrizes e esperanças para o Maranhão. Queremos ajudar a definir os rumos do desenvolvimento do Maranhão. Por isso, ficamos felizes com esse canal de diálogo”, comemorou.

Ampliar a competitividade dos negócios e promover um ambiente saudável de competitividade e desenvolvimento no Maranhão foram algumas das propostas reafirmadas por Flávio Dino. Para ele, é fundamental expandir o mercado interno com a consolidação das atividades econômicas já existentes e criando condições para que novos investimentos cheguem ao Estado.

Acompanhando Flávio Dino, o indicado para comandar a Secretaria de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, afirmou que o próximo governo deve extinguir o Código Estadual de Licitação. O anúncio foi muito aplaudido pelos empresários presentes no evento. Simplício informou que o Maranhão deve acompanhar a lei das licitações 8.666, que rege as licitações em todo o país.

Desenvolvimento do Maranhão
A principal pauta discutida entre Flávio Dino e o setor privado girou em torno de como superar os gargalos para o desenvolvimento do Maranhão. Entraves como a falta de logística, deficiências em infraestrutura, ausência de planejamento no atual governo e melhoria das condições do turismono Maranhão.

Dino levou seus secretários, que falaram das responsabilidades de suas pastas para o desenvolvimento para o Maranhão. Em um modelo de diálogo descontraído, os próximos representantes do poder público e da classe empresarial puderam debater novas formas de unir esforços em nome do desenvolvimento do Maranhão.

Dino afirmou que em seu governo as decisões serão tomadas com transparência e união de esforços para superar os entraves deixados pelo modelo coronelista que finda no Maranhão.

Entre as prioridades voltadas ao setor privado, Dino elencou a transparência e agilidade no licenciamento ambiental. “É preciso ter regras claras, ter método e que todos conheçam os trâmites da Secretaria. Vamos fazer um mutirão para destravar os entraves burocráticos ” afirmou.

Ao lado desta prioridade, Dino apontou dar solução para o Zoneamento Econômico-Ecológico com agilidade e utilizar o Porto do Itaqui como um verdadeiro vetor de desenvolvimento para todo o Maranhão, não apenas para poucos.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Simplício Araújo quer informações sobre situação do seguro defeso no Maranhão‏



O deputado Simplício Araújo (SD-MA) apresentou requerimento aos ministros da Pesca, Eduardo Lopes; e do Trabalho, Manoel Dias; solicitando informações sobre a atual situação do seguro defeso no estado do Maranhão, apontando a quantidade de pescadores beneficiados por município. O parlamentar quer saber ainda como está a situação do seguro desde sua criação no Maranhão, e em outros estados brasileiros.

O seguro defeso é uma assistência financeira temporária concedida ao pescador profissional que exerça sua atividade de forma artesanal. O benefício serve para os pescadores que trabalham individualmente ou em regime de economia familiar, ainda que com o auxílio eventual de parceiros, e que esteja com suas atividades paralisadas no período de defeso. O pescador receberá o número de parcelas equivalente aos meses de duração do defeso, conforme portaria fixada pelo Ibama. O valor de cada parcela é de um salário mínimo.

Para receber o seguro defeso é preciso ter a carteira. Mas, na hora de fazer o documento, ninguém é obrigado a apresentar provas de que é pescador. Hoje, há mais de um milhão de pescadores registrados no país. De cada dez pessoas que pediram o seguro, nove conseguiram o benefício.

Conforme lembrou Simplício, o Ministério Público e a Polícia Federal vem investigando suspeitas de irregularidades na emissão da carteira de pescador. O documento dá acesso a benefícios no ministério da Pesca. Ter a carteira de pescador muda a vida de muita gente, especialmente em regiões pobres do país, como a de muitos municípios no Maranhão. Dados do próprio ministério mostram que três meses antes da eleição – de agosto a outubro – foram emitidas mais carteiras no Maranhão do que nos sete primeiros meses do ano, o que levou a Polícia Federal a abrir 14 inquéritos só no Maranhão para apurar as denúncias.

“Em decorrência dessas questões considero imprescindível que o Congresso Nacional acompanhe os atos do governo federal, especificamente quanto à situação do seguro defeso e seus impactos na economia nacional.”

Rosângela Curado é confirmada na subsecretaria de saúde



A suplente de deputada federal Rosângela Curado (PDT), será a subsecretária estadual de Saúde no governo Flávio Dino. A informação foi confirmada pela pedetista na noite de ontem (03). Curado obteve 37.726 votos na disputa por uma vaga na Câmara Federal, agora terá a oportunidade de demonstrar sua capacidade, auxiliando na gestão da saúde estadual.

Formada em odontologia, Rosangela Curado já trabalhou, prestando consultoria no setor de saúde pública a algumas cidades maranhenses. Porém em 2012, decidiu disputar a prefeitura de Imperatriz e terminou em segundo lugar. Desde então, ela vem se dedicando a vida política e agora retomará a ocupar um cargo técnico.

Segundo informações, a função de Rosangela Curado não será restringida somente a uma área, por isso ela não será secretária adjunta, mas sim a subsecretária que estará acompanhando todos os processos da SES e terá a capacidade de auxilia-lo e contribuir para melhor gestão da saúde estadual.

Rosangela Curado já era cotada para assumir como titular uma pasta no governo de Flávio Dino, porém com a predisposição da pedetista disputar a prefeitura de Imperatriz em 2016, o governador eleito deve ter preferido coloca-la em um segundo escalão já prevendo uma possível saída dela, o que ocasionaria uma quebra de planejamento de sua administração.

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Denúncia - Professores da rede estadual utilizam atestados médicos "frios" para se ausentarem de salas de aulas

Segundo denúncias que chegaram a nossa redação, muitos professores da rede estadual de ensino, tidos como aliados ao governo municipal, aparecem com atestado para licença médica, alguns deles, inclusive, assinados por médico que aliou-se ao grupo da prefeita Teresa Murad (PMDB) após a derrota dos oposicionistas nas últimas eleições municipais, assim como autorizações expedidas pela professora Regina de Fátima, diretora da Gerência Regional de Educação - Região dos Cocais, o que permite até por longos períodos o afastamento destes da atividade escolar, o que prejudica ainda mais os estudantes, já tão carentes de mestres para muitas disciplinas nos últimos anos.

O mais curioso para estes que denunciaram, segundo relataram a nossa reportagem, é que neste mesmo período em que estas licenças são concedidas a estes profissionais os mesmos são vistos em seus perfis nas redes sociais passeando pelo país ou mesmo prestando serviços em outros municípios.

Um dos casos mais conhecidos entre os docentes, tem como personagem um conhecido professor de matemática lotado no CE Maria José Dias Trovão, que deixou o governo municipal ainda no início de 2013, após ser acusado de corrupção na Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Coroatá. Esta figura não frequenta a sala de aula para a qual foi nomeado desde o início deste ano, quando deu entrada aos seus três primeiros meses ininterruptos de licença utilizando-se de um atestado médico, desde então outros dois atestados idênticos foram apresentados, o último deles ao final de novembro, o que totalizará ao final do ano 9 (nove) meses de afastamento de suas atividades.

O que intriga ainda mais os colegas é o fato deste mesmo professor, que se diz muito enfermo (tendo em base os atestados apresentados), prestado serviços de docência em cursinho da capital neste mesmo período. Ao que parece, sua doença é aversão aos estudantes coroataenses (?!).

Segundo estas mesmas fontes, a delegacia do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estaduais e Municipais do Estado do Maranhão - SINPROESEMMA formulará, em breve, esta denúncia junto à Secretaria de Estado de Educação - SEDUC.