Páginas

sábado, 31 de janeiro de 2015

Governador Flávio Dino e reitor da Uema definem ações para os próximos quatro anos



Representantes da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) entregaram ao governador Flávio Dino um diagnóstico sobre a atuação da entidade em todo o território maranhense e uma pauta de sugestões de investimentos para os próximos quatro anos. Reunidos na sede do Poder Executivo, a equipe acadêmica também apresentou formas de atuar em parceria com o Governo do Estado para melhorar os indicadores educacionais em diversos municípios, mas com foco mais concentrado nas cidades que compõem o Plano de Ação ‘Mais IDH’.

Através de mutirões pela alfabetização e organização de campanhas educacionais em sintonia com o Governo do Estado, a Uema poderá atuar na promoção de aprendizado em todas as regiões do Estado. Esta proposta foi apresentada pelo reitor da Uema, Gustavo Pereira, em diálogo com Flávio Dino, que aprovou a ideia. “A obra em prol da Educação é o nosso maior desafio e o que de melhor o Governo pode fornecer aos maranhenses”, resumiu Flávio Dino durante a conversa.

A partir do diálogo com a Secretaria de Estado da Educação, a Uema poderá atuar como facilitadora e integrante dos mutirões pela alfabetização que fazem parte das ações previstas pelo ‘Mais IDH’, que está sendo articulado pelo Governo do Estado em parceria com os gestores municipais e os movimentos sociais.

Também foram debatidas as possibilidades de contribuição dos estudos realizados pela Universidade para áreas estratégicas do Estado e a ampliação da atuação da Uema. A previsão de investimentos na universidade estadual em 2015 é de R$ 30 milhões, assegurou o governador. A respeito de planejamento para os próximos 4 anos, a possibilidade de abertura de concurso público para a entidade passará a ser estudada para futura execução, com demonstração de interesse por parte do Governo do Estado.

O reitor elogiou ainda a nova postura do Governo que, após 6 anos sem receber os gestores da Uema, abriu as portas ao diálogo ainda no primeiro mês de Governo. Gustavo Pereira afirmou ainda que os programas de extensão e políticas de fomento realizadas pela Uema foram redimensionados para abarcar a nova visão de desenvolvimento do Estado, que agora é pautada na promoção da justiça social.

A reunião ocorreu na tarde desta sexta-feira (30) na sala de reuniões do Palácio dos Leões e contou ainda com a participação do vice-reitor Walter Canales e dos pró-reitores Marcelo Cheche (Pesquisa e Pós-Graduação), Roberto Serra (Planejamento), Andrea de Araújo (Graduação), Porfírio Guerra (Extensão e Assuntos Estudantis) e de Gilson Mendonça (Administração), além do chefe de gabinete da reitoria, César Choairy.

Caxias será polo de ações na área de agricultura familiar na Região dos Cocais


A Secretaria de Agricultura Familiar vai desenvolver a produção em três municípios da Região dos Cocais incluídos entre os 30 com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) no Maranhão: São João do Sóter, Afonso Cunha e Aldeias Altas.

O assunto foi um dos temas da reunião do secretário Adelmo Soares com o prefeito de Caxias, Leonardo Coutinho, na última sexta-feira (30). A proposta é que Caxias seja um polo das ações e referência na área de agricultura familiar na região.

Os projetos serão executados por meio de parcerias entre o Governo do Estado e prefeituras. A ideia é que as universidades instaladas em Caxias, sobretudo as públicas, sejam parceiras.

Acompanhado de secretários municipais, o prefeito apresentou experiências que deram certo em Caxias, como a de produção de mel e a de criação de cabras e aves, que podem ser colocadas em práticas em outras localidades.

O secretário reafirmou o compromisso do Governo Flávio Dino de investir na produção agrícola, em especial a familiar, para promover o desenvolvimento social do Maranhão.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Governo firma acordo para atendimento de pacientes oncológicos em Teresina


Subsecretária da Saúde, Rosângela Curado, ao lado do Procurador Geral do Estado, Rodrigo Maia, durante acordo para atendimento oncológico
O Governo do Maranhão estabeleceu um novo processo de trabalho para atendimento de pacientes oncológicos maranhenses em Teresina (PI). O acordo foi celebrado em audiência na Justiça Federal, na última terça-feira (27), com a presença de representantes da gestão estadual do Maranhão e do Piauí, além de representantes da Prefeitura de Teresina. A medida garante o atendimento a pacientes de três regiões do estado.

O acordo foi celebrado na 5ª Vara da Justiça Federal com a presença da subsecretária de Saúde do Maranhão, Rosângela Curado, que, juntamente, com o secretário de Saúde de Teresina (PI), Aderivaldo Andrade, concordaram com os termos. O entendimento foi possível a partir da confiança estabelecida com a nova gestão estadual do Maranhão, colocando fim a um impasse enfrentado pelos pacientes desde 2013.

O Ministério da Saúde irá efetuar os pagamentos reconhecidamente devidos pelo Maranhão à capital piauiense pelos atendimentos prestados até dezembro de 2013. Para isso, será elaborada uma Programação Pactuada Integrada (PPI) pelos dois estados. O Ministério da Saúde vai disponibilizar uma equipe de técnicos para ajudar nas atividades que serão iniciadas ainda no mês de fevereiro.

Sobre os atendimentos ofertados a partir de 2014 em diante, os valores deverão ser pagos pelo Governo do Estado do Maranhão. Os secretários decidiram reduzir o número de municípios maranhenses regulados para atendimento em Teresina (PI), passando de 39 para 26. De acordo com a subsecretária de Saúde, Rosângela Curado, com a regulação e organização, houve uma integração maior entre os dois estados.

“Estamos pleiteando junto ao Ministério da Saúde a implantação de uma rede de oncologia própria em nosso estado. Já temos em Imperatriz uma estrutura para radioterapia, por exemplo, e em Caxias a possibilidade de atendimento em quimioterapia, ambas aguardando somente a habilitação”, afirmou Rosângela Curado.

Estiveram presentes na reunião representantes do Ministério da Saúde, Secretaria Municipal de Saúde de Teresina, Secretarias Estaduais do Maranhão e Piauí, Ministério Público Federal, Procuradoria Geral dos Estados do Maranhão e Piauí, Defensoria Pública e Advocacia Geral da União.

Regiões beneficiadas com atendimento em Teresina

Região de Caxias – Afonso Cunha, Aldeias Altas, Buriti, Caxias, Coelho Neto, Duque Bacelar e São João do Sóter;

Região de São João dos Patos – Barão de Grajaú, Benedito Leite, Buriti Bravo, Carolina, Jatobá, Lagoa do Mato, Mirador, Nova Iorque, Paraibano, Passagem Franca, Pastos Bons, São Domingos do Azeitão, São João dos Patos, Sucupira do Norte e Sucupira do Riachão;

Região de Timon – Matões, Parnarama, São Francisco do Maranhão e Timon.

Sem nunca ter sido recebido por Dilma, Ricardo Murad agora reclama da presidente no Facebook




Expert em promessas não cumpridas – vide o projeto inacabado dos 72 hospitais do Saúde é Vida, o ex-secretário de Saúde Ricardo Murad (PMDB) criticou a presidente Dilma Rousseff (PT) pelo cancelamento dos investimentos na Refinaria Premium I, anunciado na madrugada da quarta-feira (28) pela Petrobras.

Em postagem nas redes sociais, Murad disse estar decepcionado com a petista, acusando ela de ter sido negligente em relação ao empreendimento que seria instalado no município de Bacabeira e cobrando desta a continuidade do projeto. “Dilma jamais poderia fazer isso com o estado que lhe deu a maior votação dentre todos do país”, afirmou.

O megalomaníaco cunhado da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) também exigiu a demissão de toda a diretoria da Petrobras, responsabilizando a presidente da estatal, Graça Foster, pela descontinuidade da refinaria, que consumiu cerca de R$ 2,1 bilhões dos cofres da empresa somente na fase de terraplanagem.

“Exigir da presidente a imediata ordem para manter o investimento até que uma outra direção, legítima, isenta e profissional, avalie e decida como levar adiante a obra mais importante da história recente do Brasil”, escreveu.

As declarações de Murad causaram um mal-estar no PMDB maranhense, no momento em que o grupo Sarney articula com a cúpula do PT nacional a ocupação das superintendências dos Correios, da Codevasp e do Ministério da Pesca no estado.

Com informações do Blog Marrapá.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Imagem do dia: Carnaval em Coroatá mais fraco que caldo de peteca!


Governo Roseana deixou dívida de R$ 750 milhões na Caema


Sucateamento e dívida milionária marcam a situação em que a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) foi deixada pelo governo Roseana. As dívidas acumulam R$ 750 milhões e apenas 5% do esgoto da capital são tratados. A estrutura dos sistemas de abastecimento é completamente precária e há rodízio de água em São Luís. Em busca de solucionar os problemas, o governador Flávio Dino já determinou que sejam feitos investimento maciços.

“O segredo é investimento público. E obedecer ao princípio da moralidade administrativa, utilizando recursos públicos com seriedade e transparência, motivando os trabalhadores a perseguir a mesma direção. Assim poderemos superar a situação que está posta”, disse o presidente da Caema, Davi Telles, ao comentar os dados alarmantes.

De acordo com Davi, a dívida encontrada está entre R$ 500 mi e 700 mi. “Se a gente for considerar, por exemplo, apenas dívidas fiscais e de outras naturezas, a dívida consolidada chega a R$ 500 mi, e se consideramos os processos em que temos grandes chances de perda, a quantia chega a R$ 750 mi”, relata o presidente.

A gestão tem ainda o desafio de resolver o déficit mensal da instituição, que chega a aproximadamente R$ 8 milhões ao mês – considerando a diferença entre a arrecadação líquida, que está por volta de R$ 22 milhões, e as despesas correntes, que estão entre R$ 30 e 31 mi. “Para resolver esta situação, primeiro temos que auditar, saber do que realmente se trata este déficit, temos que organizar nossa contabilidade”, aponta Davi.

Uma licitação será feita com o objetivo de contratar empresa para realizar auditoria externa conclusiva, como exige a Lei 6.404, das Sociedades Anônimas. O secretário esclareceu que os relatórios de auditorias realizadas no governo Roseana são inconclusivos. Dessa forma não há sequer dados com informações completas do patrimônio da empresa.

Revitalização da Companhia – O Governo do Estado lançará mão de um conjunto de medidas para revitalizar a Caema. “A gente estabeleceu prioridades claras. Temos as prioridades finalísticas, que se referem aos serviços de água e esgoto e temos as prioridades meio, que são aquelas estruturais, que dizem respeito a tudo o que precisamos implementar para chegar aos nossos objetivos finais”, explica Davi.

Entre as prioridades meio está a reorganização interna da Caema, com a verificação da estrutura organizacional – o organograma dispõe de 512 cargos comissionados, sendo importante a verificação da necessidade de racionamento –, o investimento em tecnologia – a fragilidade, neste aspecto, fica clara sendo, por exemplo, a Caema a única companhia de saneamento ambiental do Nordeste que não tem o sistema de monitoramento automatizado dos reservatórios de água.

Outros pontos são a definição de rotinas e procedimentos internos e o investimento em estrutura – além da revitalização dos três sistemas de abastecimento de água e dos seis de tratamento de esgoto, é preciso 183 veículos, praticamente todos sucateados. A série de medidas meio será importante para alcançar as prioridades finalísticas, que resolverão os grandes problemas enfrentados pela Caema.

Falta de água no estado – Segundo dados do Atlas do Desenvolvimento Humano (PNUD) 2013, metade da população maranhense vive em casas sem água encanada e banheiro. Diante da cruel realidade, o governo busca implementar o programa Água Para Todos, que realizará instalações hidro sanitárias, levando água e banheiro a todos os maranhenses.

A intenção é começar pelos 30 municípios priorizados no Programa Mais IDH. “Vamos fazer redes de abastecimento e distribuição plena, não vai ser sistema simplificado. Com determinação do governador, vamos levar água para esses 30 municípios para todos os domicílios”, adiantou Davi Telles.

Internautas fazem campanha contra apresentadores que querem acabar com o som automotivo em Coroatá



Jovens internautas, estão usando a rede social para fazer uma campanha contra os dois apresentadores ligados ao grupo Sarney/Murad em Coroatá que se dizem contra os sons automotivos na cidade, para tais apresentadores são os sons automotivos que trazem insegurança para a população. Ora por favor, me compre um bode!!!

Esses apresentadores que também já foram vereadores de Coroatá deveriam se preocupar era com a segurança das pessoas, se preocupar com a criminalidade que está 'correndo solta' nos quatro cantos da cidade, porquê não exigem da prefeita de Coroatá a volta de guardas municipais da forma que era antes, presentes nas festas ou até mesmo rondando as ruas buscando proteger os munícipes? Se querem aparecer apresentem seus programas com melancias no pescoço que com toda certeza dará mais resultado.

Em tempo, o blog informa que é contra abusos e desrespeitos que algumas vezes chegam a ser cometidos por alguns irresponsáveis que possuem tais carros de som, porém jamais poderemos generalizar e tirar da juventude de Coroatá uma das poucas opções de diversão que se tem, já que o poder publico não investe em cultura e lazer para a população.

O governador Flávio Dino, sabendo da grande crise que passa todo os estado do Maranhão na segurança publica, convocou em seu primeiro dia de governo, 1000 novos policiais que em breve estarão nas ruas ajudando a proteger a população de criminosos que estão em todo lugar e não apenas onde está ligando um carro de som. É isso!

Presente de Dilma ao Maranhão! Petrobras anuncia que desistiu de construir Refinaria Premium I em Bacabeira

Terraplanagem que custou bilhões em Bacabeira.

A Petrobrás desistiu de construir os projetos das refinarias Premium I, lançada no segundo governo do Presidente Lula. A Premium I seria construída no município de Bacabeira, no Maranhão.

Além da Refinaria Premium I, a empresa desistiu também de construir a Premium II, no Ceará. Os projetos das refinarias vinham sendo alardeados há anos, com eventos oficiais, visitas e muita expectativa do mercado, que vinha reclamando do número reduzido de grandes projetos licitados no último ano principalmente na área de refino.

A razão alegada pela estatal foi o prejuízo na área de abastecimento da companhia, somado em R$ 13,8 bilhões entre janeiro e setembro do ano passado. A perda foi 13% maior em relação ao prejuízo do mesmo período do ano anterior, de R$ 12,2 bilhões.

A presidente Graça Foster chegou a anunciar mais de uma vez no ano passado as datas em que os pacotes das duas refinarias seriam lançados, mas sempre que a data chegava os projetos eram postergados.

Graça disse ainda que, para reforçar o caixa, fará “desinvestimentos em 2015, com potencial de contribuição ao caixa em níveis próximos aos realizados em 2014″. A implementação desses desinvestimentos dependerá, naturalmente, da evolução das condições de mercado, disse Graça no comunicado, destacando que a empresa terá “à disposição garantias da União Federal para os recebíveis do setor elétrico, que permitirão a negociação desses créditos no mercado bancário”.

Porém, a companhia não deu uma data para publicar o balanço com o parecer da PwC. “Continuamos trabalhando para produzir as demonstrações financeiras revisadas pelo Auditor Externo (PwC) no menor tempo possível, não apenas em relação aos ajustes nas demonstrações contábeis, mas também à necessidade de aprimoramento dos nossos controles internos”.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Macilio volta ao ar com entrevista exclusiva de Luis da Amovelar



O programa Canal Aberto voltou ao ar no dia de hoje (28), apresentado por Macilio Gonçalves, o programa foi o assunto da cidade durante todo o dia.

Macilio abordou temas de interesse da população coroataense, além de entrevistar com exclusividade o ex-prefeito de Coroatá, Luis da Amovelar, que esclareceu diversas duvidas e acusações da oposição ao governo Flávio Dino ao vivo no canal.

"Tanto eu como, Domingos Alberto, Ciba, Odair e os vereadores, temos acesso livre as todas as secretarias do governo doe estado, agora sim os problemas de Coroatá serão vistos e solucionados pelo governador de todos nós" disse Luis na entrevista.

O programa Canal Aberto vai ao ar de segunda a sexta de 12 as 13:30h na Tv Nazaré, Canal 07.


Novos diretores do Macro e UPA são oficialmente nomeados pelo governo do estado

Novos gestores ao lado do ex-vereador Ciba e a subsecretária de saúde, Rosangela Curado.

Saiu no Diário Oficial do Estado do Maranhão (DOE/MA) da ultima terça-feira (27), a nomeação dos novos diretores do Hospital Macrorregional e da UPA de Coroatá, a nomeação foi retroativa ao dia 02 deste mês, quando os mesmos assumiram seus cargos.

Foram nomeados

FRANCIMAR SOUSA DA SILVA - Diretor administrativo da UPA
NELSON CARMENINO DE LEMOS BARRETO - Diretor clinico da UPA

FRANCISCO CARVALHO BRANDÃO - Diretor administrativo do Macrorregional
JOSÉ RODRIGUES PEREIRA - Diretor clinico do Macrorregional

O blog deseja aos gestores muita sorte e torce para que ocorra tudo bem na gestão dos mesmos!

Governo do Estado garante pagamento de servidores no próximo dia 31



O governador Flávio Dino determinou o pagamento dos servidores para o próximo sábado (31). Previsto para o dia 3 de fevereiro, o pagamento ainda no mês de janeiro beneficiará cerca de 112 mil servidores ativos e inativos.

“Após adotarmos medidas austeras como a reduzir os gastos com custeio da administração tivemos condições de garantir o pagamento ainda no mês trabalhado. Conforme asseguramos antes, sempre que o governo tiver disponibilidade financeira vamos realizar o pagamento dos servidores no mês trabalhado. A valorização dos servidores públicos é um compromisso de nossa gestão”, disse o governador.

O governo passado deixou saldo de R$ 24 milhões em caixa e uma dívida de cerca de R$ 1,3 bilhão, com uma grande parcela dos pagamentos vencidas e outras vencendo neste mês de janeiro. Ainda assim, após a determinação do governador de contingenciamento de 30% do custeio do tesouro, a redução dos contratos vigentes e a melhor aplicação dos recursos públicos, 112 mil servidores receberão os salários no dia 31 de janeiro.

“A antecipação só foi possível devido ao corte de 30% do custeio e revisão dos contratos determinados pelo governador Flávio Dino”, Explicou a secretária Cynthia Mota (Planejamento).

Entre os servidores que compõem a estrutura da administração estadual, são 74 mil são ativos – entre efetivos, comissionados e temporários das administrações direta e indireta – e 38 mil inativos, considerando aposentados e pensionistas.

De acordo com o secretário Felipe Camarão (Gestão e Previdência) o calendário divulgado anteriormente permanece inalterado. “Sabemos da importância do servidor para a garantia dos serviços públicos com qualidade à população e a diretriz do governador Flávio Dino é que todos os esforços sejam feitos para que possamos pagar os vencimentos no mês trabalhado. No entanto, não podemos antecipar com precisão a estimativa de receitas do Estado e isto faz com que haja necessidade de mantermos, por enquanto, o calendário de pagamento previamente divulgado”, disse.

Aberto prazo para adesão de escolas e municípios aos JEMs 2015

Jogos pelo Beach Soccer na Arena da Escola Municipal Agrícola em 2011, hoje abandonada pela prefeitura de Coroatá. (foto: Tiago Rodrigues)

O Estado abriu o prazo de inscrição para escolas e municípios aderirem à edição deste ano dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), que chega à 43ª edição. O termo de adesão, bem como o regulamento dos JEMs e o calendário oficial dos jogos já estão disponíveis na página da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel): www.esporteelazer.ma.gov.br.

Os municípios e instituições da rede pública e privada interessados em participar da competição devem entregar o termo de adesão devidamente preenchido até o dia 13 de março na sede da Sedel. O prédio da Secretaria está localizado no Complexo Esportivo em São Luís, na Travessa Guaxenduba, no Outeiro da Cruz.

A Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel) abriu prazo para escolas e municípios aderirem aos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) que, este ano, chegam à sua 43ª edição. Os municípios e instituições da rede pública e privada interessados em participar da competição têm até às 19 horas, do dia 13 de março, para entregar o termo de adesão na Sedel (Travessa Guaxenduba, n° 100, Bairro Outeiro da Cruz - Complexo Esportivo, São Luís/MA).

De acordo com o regulamento dos jogos, os alunos inscritos nas modalidades, naipes e provas dos JEMs devem estar matriculados até o dia 27 de marco de 2015 na instituição de ensino, e cursando regularmente as aulas, para participarem da competição. Além disso, serão recebidas propostas para sediar as etapas regionais dos JEMs até o dia 31 de março.

A primeira seletiva dos Jogos Escolares Maranhenses ocorrerá em março, com as disputas da etapa metropolitana/municipal, que termina no mês de maio. Em seguida, serão realizadas as etapas regionais, no período de 1º a 29 de julho.

Já a etapa estadual será realizada entre os dias 30 de julho e 1º de outubro, em São Luís, com disputas das categorias infantil (12 a 14 anos) e infanto (15 a 17 anos). A Sedel informou que as Paraolimpíadas Escolares serão realizadas de 11 a 30 de setembro.

Os JEMs 2015 servem como etapa classificatória para os Jogos Escolares da Juventude, nas categorias infantil e infanto, na modalidade masculino e feminino.

Na página da Sedel na internet estão disponíveis outras informações com o caderno de encargos da etapa regional dos jogos escolares e modelos de ficha, além de termos de responsabilidade. Outras informações sobre os JEMs 2015 poderão ser obtidas pelo telefone (98) 2109-5939.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Macilio Gonçalves diz NÃO à Tv Cidade e Canal Aberto volta ao ar amanhã (28)



O apresentador de Tv de mais credibilidade da região dos cocais, Macilio Gonçalves voltará as telinhas coroataenses amanhã ao meio dia. Depois de um período de reestruturação, o programa de maior audiência local voltará com força total.

Macilio que recebeu diversas propostas preferiu dar continuidade ao seu projeto a frente do programa Canal Aberto que já conquistou a preferencia dos coroataenses de maneira simples e objetiva.

O blog deseja um ótimo retorno ao apresentador e agradece por ele preferir ficar ao lado da população de Corotá prestando um bor serviço ao seu povo. Então é amanhã as 12h na tela da Tv Nazaré canal 07.

Acredite se quiser! somente agora os presos de Pedrinhas serão monitorados por câmeras de segurança


Um serviço de videomonitoramento foi instalado no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pedrinhas, em São Luís, nesta segunda-feira (26), pela Secretaria de Administração Penitenciária (Sejap). Com os equipamentos, os presos passam a ser monitorados em tempo integral nos pavilhões, pátio para visitas, banhos de sol e nos terrenos de capina e de coleta de lixo.

O sistema, operado por quatro funcionários, capta imagens por meio de 28 câmaras de alta resolução com alcance de até mil metros de distância e perímetro de 360°. Instaladas em pontos estratégicos, garantem a vigilância interna e na área externa do presídio.

O Estado dispõe de 220 câmeras nas unidades prisionais do Maranhão, sendo 150 em presídios da Região Metropolitana de São Luís. Destas, 110 estão no complexo de Pedrinhas.

O superintendente de Estabelecimentos Penais da Sejap, Gustavo Moreira, explicou que até então, quando era detectado um suspeito, os operadores usavam telefone para acionar a segurança em Pedrinhas. “Agora, ganhamos tempo e mais agilidade”, disse.

"Não há nenhum pedido de transferência para Samuel Morita" garante delegado geral do Maranhão

Dr Augusto Barros, delegado geral do Maranhão.
Após a onda de boatos sobre uma possível transferência do delegado de Coroatá, Samuel Morita que foram disseminados por um apresentador local ligado ao ao grupo Sarney/Murad, o blog Coroatá de Verdade sempre prezando pela realidade dos fatos, foi em busca da informação verdadeira e conseguiu contato por telefone com o delegado geral de policia do estado do Maranhão, Dr Augusto Barros.

"Não há nenhuma previsão para a saída do delegado Samuel Morita da cidade de Coroatá para qualquer utra cidade que seja" Disse Dr Augusto Barros desmentindo os boatos oportunistas de quem está a todo ponto tentando conturbar a administração do governador Flávio Dino, o delegado aproveitou para deixar um recado "O delegado Samuel Morita somente deixará de delegar em Coroatá caso ele queira, porquê até o momento não está prevista essa transferência" Completou Dr Barros.

Pronto, tudo esclarecido in loco, essa é a verdade, o resto, como o blog sempre diz, é 'mimimi' de quem ainda não sabe perder e ainda não entendeu que os tempos agora são outros!

Flávio Dino reúne prefeitos para articular ações nos 30 municípios do ‘Mais IDH’



O governador Flávio Dino e o vice Carlos Brandão recepcionaram, nesta segunda-feira (26), prefeitos e sindicalistas para apresentar o conjunto de ações que serão articuladas pelo Executivo Estadual para alavancar os indicadores sociais dos municípios contemplados com o Plano de Ação ‘Mais IDH’. A reunião, no Palácio dos Leões, teve o intuito de convocar os prefeitos a unirem esforços para viabilizar ações concretas que garantam condições de vida digna a todos os maranhenses.

As ações do Plano de Ação ‘Mais IDH’ beneficiarão os 30 municípios com menor desempenho no Índice de Desenvolvimento Humano no Maranhão, projeto que compõe o programa de governo debatido com a população durante o ano de 2014. Articulando as secretarias responsáveis pelas políticas públicas que serão implementadas já em 2015 em cada município que integra a lista daqueles com IDH mais baixo, o Estado promoverá ações focadas na promoção de qualidade de vida nesses locais.

O governador explicou aos presentes cada uma das ações que serão implementadas ao longo dos próximos meses. Os secretários que integram o Comitê Gestor detalharam as ações que serão conduzidas em cada pasta, que terão direcionamento para as áreas da Educação, Atenção Básica à Saúde, melhoria do Saneamento, Habitação, Produção Agrícola, Combate ao Analfabetismo e à Fome, entre outros.

Segundo Flávio Dino, a diretriz da gestão é garantir que esses municípios dêem um grande salto na qualidade de vida em um curto espaço de tempo, pois, pela primeira vez, terão atenção direcionada pelo poder estadual. “Tendo vontade política, vamos atrás de todas as condições financeiras e institucionais para fazer acontecer”, garantiu o governador ao explicar que está buscando pessoalmente o apoio do Governo Federal e dos municípios para realizar as ações num esforço conjunto.

O governador afirmou ainda que verbas do Fundo Maranhense de Combate à Pobreza e as parcerias com a União e outras entidades do poder público darão viabilidade a cada uma das ações.

O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, Gil Cutrim, enalteceu a iniciativa do governador em ouvir os prefeitos, estabelecendo um marco no diálogo entre o governo estadual e os municípios. De acordo com o presidente, essa foi a primeira vez que a maioria dos prefeitos foram convidados a estar no Palácio dos Leões.

“Estou encantado com esta tarde que vai ficar para a história do Maranhão. Durante o encontro o governador demonstrou que conhece o nosso estado e que tem interesse em construir uma gestão participativa onde os prefeitos possam discutir a implementação de ações para que o Maranhão tenha um futuro promissor”, disse Gil Cutrim.

A reunião foi elogiada pelos prefeitos, que se comprometeram em colaborar com as ações em prol da melhoria da qualidade de vida dos moradores. “Estamos de portas abertas para receber e colaborar com esse trabalho que vai tirar o nosso município desse cenário. Queremos que Fernando Falcão seja um dos melhores lugares para se morar e, para isso, estou pronto para ajudar a elevar os índices socioeconômicos do Estado”, disse o prefeito Antonio Moacir de Santana, do município Fernando Falcão, primeiro na lista de pior IDH.

O município de Lagoa Grande do Maranhão, com 12,8 mil habitantes, está na sexta colocação no ranking. O prefeito Jorge Melo Dias afirmou que irá se empenhar para que o Maranhão possa superar o estado de extrema pobreza. “Elogio a iniciativa do governador Flávio Dino em fazer esse chamamento aos prefeitos para compor essa força tarefa. A instituição dessas políticas públicas alcançarão a população mais carente e fará com que o Maranhão possa sair desse triste cenário”, disse.

Indicadores dos municípios
O Estado está construindo um diagnóstico preliminar dos 30 municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A metodologia para levantamento dos indicadores sociais foi debatida pelo Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos (Imesc) com representantes de dez órgãos que compõem o Comitê Gestor do Plano ‘Mais IDH’.

Os dados e indicadores vão levar em consideração as ações que devem ser promovidas nas áreas de saúde e saneamento básico, renda e educação. O Imesc apresentou diagnóstico da situação atual dos municípios e destacou o trabalho das secretarias como fundamental para formação de um banco de dados que terá a função de ajudar a planejar as ações do Comitê Gestor.

Ações apresentadas pelo Comitê Gestor
Direitos Humanos:
-Promoção do acesso à documentação e à informação.

-Realização do Mutirão Mais IDH e instituição dos Comitês Municipais do Mais IDH.

-Mobilização, articulação e capacitação dos Fóruns Mais IDH.

Educação:
-Valorização do magistério.

-Melhoria da infraestrutura das escolas.

-Alfabetização de crianças e adultos.

-Investimento nas tecnologias educacionais.

Saúde:

-Implementar o monitoramento e a avaliação das atividades dos agentes comunitários de saúde.

-Potencializar ações na área da atenção básica.

-Realizar estações de saúde e busca ativa para pacientes de risco e/ou sintomáticos para endemias negligenciadas.

-Intensificar cadastro e monitoramento e vigilância em saúde com foco nas crianças (menores de cinco anos), gestantes hipertensos e diabéticos.

Produção agrícola e agricultura familiar:
-Assegura assistência técnica e extensão rural às famílias beneficiárias do plano.

-Estimular, fomentar e garantir o apoio para a promoção da segurança alimentar e nutricional.

-Promover a inserção dos agricultores familiares no mercado institucional (Programa de Aquisição de Alimentos e Programa Nacional de Alimentação Escolar).

-Coordenar e gestar a concessão de fomento para a implantação de sistemas integrados alternativos para a produção de alimentos.

Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema):

-Ampliação ou implementação do sistema de abastecimento pleno de água tratável na sede dos municípios

Desenvolvimento Social:
-Implantação de 30 cozinhas comunitárias

-Assessorar a politica de segurança alimentar

-Inserção dos municípios no Programa Brasil Carinhoso e Brasil sem Miséria

Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc):

-Levantamento dos dados

-Realização dos diagnósticos

-Apoio aos comitês municipais

-Monitoramento das ações

30 municípios com menor IDHM
Fernando Falcão, Marajá do Sena, Jenipapo dos Vieiras, Satubinha, Água Doce do Maranhão, Lagoa Grande do Maranhão, São João do Carú, Santana do Maranhão, Arame, Belágua, Conceição do Lago-Açú, Primeira Cruz, Aldeias Altas, Pedro do Rosário, São Raimundo do Doca Bezerra, São Roberto, São João do Sóter, Centro Novo do Maranhão, Itaipava do Grajaú, Santo Amaro do Maranhão, Araioses, Governador Newton Bello, Cajari, Santa Filomena do Maranhão, Milagres do Maranhão, São Francisco do Maranhão e Afonso Cunha.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Governo do estado quer instalar RedeSim no Maranhão



O Governo do Estado quer instalar, no Maranhão, a Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (RedeSim). A viabilização da proposta foi considerada prioridade em reunião do presidente da Junta Comercial do Maranhão (Jucema), Sérgio Sombra, com o secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, e o superintendente do Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae/MA), João Batista Martins, nesta segunda-feira (26), em São Luís.

A RedeSim vai simplificar e diminuir o tempo e o custo para a abertura de empresas, além de compatibilizar e integrar procedimentos, evitando a duplicidade de exigências e gerando informação compartilhada, entre outros benefícios. Na reunião, os vários setores do Governo do Maranhão definiram suas competências para que a rede funcione plenamente este ano.

“É um instrumento fundamental para o desenvolvimento do estado, pois vai facilitar e incentivar a formalização das empresas”, disse Sérgio Sombra. O secretário Simplício Araújo informou que a rede deve começar, inicialmente, em 90 municípios maranhenses.

Participaram também da reunião, a gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae/MA, Cristiane Correa, o secretário Adjunto da Seinc, Pierre Januário, e o superintendente de novos negócios da secretaria, Saulo Giovani.

Com menos de dois anos, Coroatá de Verdade completa meio milhão de visitas

Cleo Freitas e Páblo Lima, os responsáveis pelo sucesso do Blog Coroatá de Verdade.

O blog Coroatá de Verdade que teve sua primeira postagem nesta hospedagem no dia 20 de abril de 2013, comemora hoje a incrível marca de 501,525 mil visitas, ou seja meio milhão de cliques nas noticias locais e estaduais que são destaque na pagina.

Para se ter ideia da dimensão dos acessos, o blog patrocinado pela prefeitura municipal de Coroatá e que já está a mais de 08 anos no ar, conta apenas com 563,300 visitas, ou seja com apenas 62 mil visitas a mais que o Coroatá de Verdade que está no ar a apenas um ano e nove meses.

O autor do blog agradece a todos que diariamente acessam e comentam nossas noticias e avisa que em breve o blog passará por uma reforma que o deixará ainda mais bonito, leve e dinâmico. Aguardem!

PS: O blog também aproveita para parabenizar e agradecer o jovem Cleo Freitas que deixou a equipe no inicio deste mês para se dedicar exclusivamente ao seu novo projeto.

sábado, 24 de janeiro de 2015

Bomba! G10 se desfaz e líderes voltam a dialogar com outras lideranças de oposição



Muitos reclamaram da matéria deste blog sobre o 'racha' na oposição coroataense, quando os lideres coroataenses resolveram se reunir e criar o chamado Grupo dos 10, onde apenas aquelas dez lideranças reunidas resolveriam e discutiriam o destino de toda a oposição coroataense. (Clique aqui para reler a matéria)

Pois bem, após a matéria, quatro dos dez que se reuniam resolveram se aproximar das lideranças de bairros, sindicais e partidárias do município que haviam ficado de fora do grupão. São eles, o ex-prefeito Luis da Amovelar, o ex-vice-prefeito Domingos Alberto, o ex-secretário de educação Odair José e o vereador do PTC, Marcelo Moura. Estes se reuniram na noite da ultima quinta-feira com presidentes de partidos que fazem oposição a administração da prefeita Teresa Murad, lideranças de bairros, além de pelo menos 05 suplentes de vereadores.

A reunião segundo fontes, serviu para aparar as arestas entre Domingos Alberto e Luis da Amovelar que ficaram com relações estremecidas desde a eleição de 2012 quando Luis da Amovelar resolveu lançar sua esposa candidata a prefeita da cidade de Peritoró, ao pedir a palavra, Movelar fez questão de esclarecer "Eu cumpri todos os compromisso que assumi com o Domingos, ele e quem estava dentro da campanha, sabe disso" Disse Movelar, que também frisou a liberdade e  respeito que teve com todos os seus  secretários quando o mesmo era prefeito "Ajudei a todos" finalizou. No termino, todos saíram satisfeitos com o resultado da reunião e prometeram se reunir mais vezes, afim de não deixar com que a oposição se divida e entregue a eleição de 2016 de mãos beijadas para Murad que quer ganhar até jogo de peteca depois de acumular inúmeras derrotas nos últimos meses.

Parabéns aos que acordaram e perceberam que sem dialogo na mesa e principalmente nas ruas, não se chega a lugar nenhum!

Ricardo Murad prestes a amargar mais uma grande derrota



O ex-secretário de saúde e agora desempregado e ficha-suja Ricardo Murad, está prestes a amargar mais uma acaçapante derrota em seu currículo maléfico, depois de ver sua filhinha perder uma eleição em 2004 na disputa pela prefeitura de Coroatá, e sua esposa em 2008 também em busca da prefeitura de Coroatá e agora ver seu mui amigo Edinho Lobão perder de lavada para Flávio Dino, Murad agora terá que engolir mais um grande derrota ao ver a candidatura de sua filhinha ir por agua a baixo, além disso ele ainda será obrigado a ver a vitória esmagadora de Humberto Coutinho, quem tanto perseguiu.

Enquanto o ainda deputado estadual Ricardo Murad (PMDB) esperneia e chora mágoas contra o novo governo, o deputado estadual Humberto Coutinho (PDT) caminha para uma eleição tranquila na Assembléia.

Leia a matéria do Blog do Samuel Bastos sobre o chorôrô de Murad.

Ricardo Murad esperneia e Humberto Coutinho se consolida




Visto por muitos como o candidato dos olhos do governador Flávio Dino (PCdoB), Coutinho escolheu o caminho do diálogo para traçar sua eleição e garantir a maioria do voto dos colegas.

Após haver conquistado o apoio de nove deputados que não foram eleitos pela base governista, o pedetista recebeu nesta sexta (23) o apoio de mais nove deputados, dentre eles o de Adriano Sarney (PV), perfazendo uma soma de 19 votos incluindo o dele próprio.

Até agora a deputada eleita Andrea Murad (PMDB) é a única a expor contrariedade ao projeto de consenso e a tentar impor que seu partido lance candidatura própria, opinião que se mantém isolada dentro do próprio seio peemedebista. Até o candidato derrotado Edinho Lobão (PMDB) se manifestou a favor da composição do partido na chapa de Coutinho, tese que já havia sido defendida pelo deputado estadual Roberto Costa (PMDB).

Sendo assim, Ricardo Murad se prepara para colecionar mais uma derrota, dessa vez imposta a ele pelos próprios correligionários. Vai ter que se preparar para chorar na cama que é lugar quente… queira ou não!
Os tempos são outros tratorzão….