.

.

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Professores protestam contra Murad na AL; Andrea e Souza Neto fogem



Agora, na Assembleia Legislativa do Maranhão, cerca de 300 professores de Coroatá protestam contra os desmandos na família Murad no município.

Manifestantes acusam o casal Ricardo e Andrea Murad de promover exonerações irregulares e perseguir cerca de 30 professores concursados que reivindicam melhorias na educação da cidade.

“Quem tenta mandar é o Ricardo, mas quem manda em Coroatá é o povo e não podemos deixar. Quem deve mandar é o povo. Ele burlou a lei e usou os diretores para fazer pseudo-relatórios com parâmetros errados. É uma vergonha Andrea Murad elogiar o pai dela que é o prefeito de fato e está humilhando os professores”, afirmou o professor César Soares Barbosa, um dos organizadores do protesto.

Presentes na sessão legislativa desta quinta-feira (03), os deputados Andrea e Sousa Neto sumiram do plenário depois que os educadores tomaram o saguão do Palácio Manoel Beckman.

Os manifestantes permanecem no local e exigem serem recebidos por parlamentares para denunciar o caso à Comissão de Educação da Casa, comandada pelo espevitado Wellington do Curso (PPS).



2 comentários:

  1. estes bestas deviam era ter vergonha na cara tem que ser colocado na riua mesmo Bando de Bandidos

    ResponderExcluir
  2. Vários municípios estão se manifestando contra a corrupção, acorda Coroatá, ainda é muito pouco pela ditadura que vcs vivem, cobrem desses deputados e de seus vereadores pq eles vão ainda atrás de cada um de vcs para pedir voto.

    ResponderExcluir