.

.

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Vereador Wllisses tenta sensibilizar prefeita a financiar campeonato coroataense de futebol

O vereador governista Wllisses Muniz (PMDB), que elegeu-se com o compromisso de representar e defender os desportistas coroataenses, apresentou na sessão desta quinta-feira, 06, um indicação dirigida a prefeita Teresa Murad (PMDB) solicitando desta, através da sua Secretaria Municipal de Esporte e Lazer – SEMEL, o apoio financeiro para a realização do tradicional Campeonato Coroataense de Futebol ainda este ano.

A defesa ocorre logo após a divulgação do possível cancelamento da edição deste ano do Campeonato, conforme divulgou a página Coroatá OnLine, que ouviu desportivas e comissão organizadora do evento.

Em seu pronunciamento durante a defesa da matéria apresentada, Muniz afirmou atender um do próprio secretário de Esporte tampão, Robert Wagner, bem como outros desportistas coroataenses que pretendem contribuir com a organização do evento, ao apresentar a proposta no parlamento.

Durante a discussão o parlamentar recebeu o apoio dos diversos parlamentares, entre eles o governista Jocimar Pereira (PMDB), o que somente reforça que o diálogo com a prefeita não é um problema de apenas um vereador, mas de toda a bacada, o que resulta na necessidade da apresentação desta matéria para tratar do assunto que poderia ser resolvido facilmente com uma simples conversa do secretário com a gestora. O fato serve apenas para demonstrar duas coisas, a primeira delas o desinteresse da mandatária em realizar o campeonato e segundo, a incompetência do secretário, e do próprio parlamentar autor da matéria, em pleitear diretamente sem que haja a necessidade da execução de uma vergonhosa tentativa de sensibilizá-la publicamente.

Em pronunciamento durante a discussão da matéria o oposicionista Cássio Reis (PSDB), que declarou-se a favor da indicação, ressaltou que “mais uma vez a prefeita demonstra o seu desprezo com o esporte coroataense” e relatou em seguida algumas das dificuldades enfrentadas para a realização da Copa Marajá deste ano.

O líder da Bancada Parlamentar de Oposição Raimundo Diogo (PT) ressaltou que há recurso previsto na Lei Orçamentária Anual - LOA apresentada, discutida e aprovada na Câmara e que, portanto, a prefeita não atenderá a indicação de Wllisses Muniz se não quiser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário