.

.

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Opinião - Indicações desnecessárias que poderiam ser "resolvidas" com uma simples conversa com a prefeita

Riba Maia, solicita a prefeita lombadas
E Jocimar Pereira, tampas para boeiro.
Por Cleo Freitas, editor-assistente

Não é desta administração e muito menos desta legislatura a invenção do "costume" de apresentar na Câmara Municipal de Coroatá indicações ao executivo para que providencie ou execute o que há de mais simples, o que nada mais é que a sua obrigação, assim, os parlamentares coroataenses deixam de dedicar a atenção a temas que de fato interferem na vida cotidiana da nossa população.

E passadas as eleições, os ânimos se acalmaram e os temas banais voltaram a pauta, assuntos estes, insisto, que poderiam ser atendidas após uma simples conversa com a prefeita Teresa Murad (PMDB), em outros tempos, com o então prefeito Luís Mendes (PT).

Na sessão de ontem, 06, por exemplo, podemos citar como tais as indicações apresentadas pelos vereadores Wllisses Muniz (PMDB), solicitando apoio financeiro para a realização do Campeonato Coroataense de Futebol; Riba Maia (PSC), indicando a construção de quebra-molas na Avenida Teresa Murad, Rua da Aviação, Rua Nova e todas as ruas do Bairro Novo e Vila Teresa Murad, entre outras; Jocimar Pereira (PMDB), indicando, pasmem, que sejam colocadas tampas nos bueiros da Avenida Perimental da COHAB para evitar acidentes (sic).

Ora vereadores, para a resolução dessas demandas bastariam que, sendo os senhores aliados da prefeita e de seus secretários, gastassem alguns minutos dos seus dias durante a semana em uma simples audiência com a prefeita Teresa Murad ou, simplesmente, com o secretário competente para atendê-los. Mas não, preferem levar desnecessariamente essas demandas ao parlamento, aos microfones da Câmara Municipal para que ganhem "notoriedade" em cima destas demandas, pois desconhecem ou ignoram os assuntos que de fato interessam aos seus eleitores.

Esta última em questão, referente a colocação das tampas dos boeiros, poderia ser atendida pelo secretário de Infraestrutura após um pedido do parlamentar autor da matéria, ou melhor, as tampas eram pra ter sido colocadas durante a obra, mal feita diga-se, da mesma formas as lombadas que preocupam Maia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário