.

.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Dança Portuguesa “Patrimônio de Lisboa” em busca de apoio para participar do 38º Encontro de Folguedos no PI

A Dança Portuguesa “Patrimônio de Lisboa”, criada para representar Coroatá a partir dos festejos juninos deste ano, sob a coordenação do jovem Leandro Kleper, realizou belas apresentações e abrilhantou diversos arraiais, e não apenas do nosso município, mas de diversas cidades vizinhas ou, até mesmo, localizadas em outros estados, como Altos - PI.

O novo grupo cultural genuinamente coroataense, formado por aproximadamente 60 jovens, deixou de se apresentar em outros incontáveis números de arraiais, entre eles na capital São Luís - MA, unicamente por deficiência de patrocínio para o transporte dos brincantes.

Em conversa com a nossa reportagem, um dos integrantes da dança falou da dificuldade para conseguir patrocínio para que a colocassem "nos arraiais" e que a maior parte dos gastos, saiu mesmo do bolso dos brincantes e dos famosos paitrocinadores, até mesmo parlamentares, políticos, empresários, deixaram de patrociná-los e a Prefeitura Municipal de Coroatá, através de sua secretaria de Cultura, recusou-se a patrocinar no no primeiro momento. É lamentável saber que o poder público ou empresários não estejam interessados em contribuir para o enriquecimento da cultura do seu município ou simplesmente para a formação cultural dos jovens envolvidos, como um incentivo para sigam no caminho da retidão.

Após um esforço infinito e doações modestas que andaram longe de cobrir os gastos globais, a 
Dança Portuguesa "Patrimônio de Lisboa", mostrou o talento e a beleza fruto dos seus esforços. Entre contribuições que mais pareciam "esmolas" (com o perdão da palavra), como a de um vereador governista que doou apenas R$20 (isso mesmo, vinte reais), as duas maiores doações, frisa-se, foram feitas pela empresária Daniele Lima (Casa Codoense) e por Luís da Amovelar.

Mais uma vez a coordenação e brincantes da "Patrimônio de Lisboa" pede ajuda aos empresários e governistas da cidade para participar da segunda noite da 38ª edição do Encontro de Folguedos, a ser realizado na capital do Piauí entre os dias 1º e 6 do mês de julho, confira a programação completa clicando aqui.  Este é um importante evento cultural e nacional, uma oportunidade para representar a nossa cidade e o nosso estado ao lado de outros grupos maranhenses.  O grande desafio é, mais uma vez, com relação aos recursos para o custeio do transporte.

Para contribuir nesta nova oportunidade basta contatar com a coordenação pelos números (98) 82268044 ou (99) 91574090 – (99) 81105385; e terão seus nomes e marcas divulgados através da página no Facebook Coroatá na Rede, parceira da Dança Portuguesa “Patrimônio de Lisboa”.


Atualização às 20:59 - O coordenador da Dança Portuguesa “Patrimônio de Lisboa” entrou em contato com a nossa redação e informou que a Prefeitura Municipal de Coroatá - PMC ajudou-lhes em dois momentos após o fechamento da arrecadação, sendo o primeiro deles na ocasião da sua estréia e o segundo em sua apresentação no arraial coroataense, configurando-se então como a maior patrocinadora.

Assista ao vídeo de umas das suas apresentações produzido por ELBS Vídeo: