.

.

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Tá mais ou menos, mais ou menos!!

O autor lendo o texto ao lado durante a plenária realizada na manhã de hoje, 19 (Foto: Leandro Baima)
Por José Arimatéia, professor e poeta popular

Começou o ano letivo
Mas quase nada mudou
Pois Dezembro de 2012
A prefeita nunca pagou

Distribuíram uma farda
Mas vamos prestar atenção
Porque aqui as coisas
É pra uns e pra outros não

O professor contratado
Com 20 aulas por semana
Mas isso eles não falam
Pra eles tudo é bacana

Estão faltando os livros
E material de expediente
E o dinheiro das escolas?
Pra onde vai minha gente?

É tanta coisa agora
Que parece até normal
As crianças lá na escola
Tão tomando só Nescau

Nescau de manhã e de tarde
Nescau a semana inteira
É Nescau pra todo lado
Cuidado com a caganeira

Tem aluno que já tá triste
De tanto tomar Nescau
Mas a prefeita insiste
E acha que tá normal

A cidade esburacada
Mas tem cego que não ver
Pois tem um cabra que encobre
Em seu programa de Tv.

E o professor tá na rua
Porque o procurador
Não manteve sua palavra
E mentiu pro promotor.