.

.

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Secretário da administração do sobrinho de Ricardo Murad foi preso pela PF

Colaborou Waldivino Nunes

Uma figura muito querida do clã Murad, o dentista Lílio Estrela Sá, mais conhecido como Lílio Guega, foi conduzido pela Polícia Federal no dia de ontem (25) para prestar informações sobre o desvios de recursos federais dos Fundo Municipais de Saúde e Educação em Bacabal e Zé Doca.

Guega assumiu secretarias de saúde em diversos municípios, bem como em Coroatá durante a gestão de Rômulo Augusto, também conhecida pelo título mirabolante e fantasioso "40 anos em 4", sendo, portanto, cria de Ricardo Murad.

Segundo o blog do Luís Cardoso, por onde passou o sujeito Lílio deixou rastros nada republicanos e impressões digitais indecorosas. "Foi assim desde que dirigiu a escola de samba de São Luis Flor do Samba. Um desastre!", escreveu Cardoso em postagem data de 1° de abril de 2012, e continuou: "Sempre com o apoio escandaloso do empresário Fernando Sarney".

Leia outros trechos da mesma postagem de Cardoso à época:

Dentista, Guega chegou a assumir secretarias de saúde de vários municípios, sempre dançando conforme a música corrupta e em gestões desastrosas. 
Guega chegou a comandar um esquema corrupto nas gestões municipais de saúde. E, pasme os senhores, protegido pelos homens de péssima vontade. 
Atualmente ocupa ao cargo de secretário de saúde do município de Bacabal, onde ficou raízes. Desfruta com o médico Raimundo Nonato Lisboa prefeito da cidade, os milhões de recursos desviados pela prefeitura. Um câncer da saúde municipalista. 
Tem feito bem a si próprio e para algumas pessoas que gravitam ao seu redor, principalmente a umas funcionárias do seu setor.

Leia a matéria completa na página do Luís Cardoso, clicando aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário