.

.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Mesmo sendo legal perante a lei, Secretário de Educação não fará prova do concurso público



O blog entrou em contato com o secretário municipal de educação de Coroatá, Eldo de Melo Viana para conversar a respeito da repercussão de que ele iria fazer a prova do concurso público de Coroatá. 

O secretário nos informou que, mesmo sendo totalmente legal, ele, como cidadão  que goza de todos seus direitos, realizar a prova, ele não a fará. “Fiz a inscrição, eu e minha esposa, mas decidimos não ir fazer a prova para não colocar em cheque a a lisura deste concurso que é importante para Coroatá”, disse ele, que se inscreveu para concorrer a uma vaga de professor. 


Vale lembrar que não há lei alguma que impeça o secretário de fazer a prova, pois a prefeitura de Coroatá apenas disponibiliza as vagas do concurso, mas quem organiza e aplica às questões é a empresa contratada através de licitação, no caso de Coroatá, a vencedora do certame foi a piauiense, ConsePI, que já atua na área há vários anos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário