.

.

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Dia histórico: Maranhão não terá nenhum 'Murad' no poder após 33 anos de mandatos consecutivos...



Hoje sem duvidas é um dia histórico para o povo do Maranhão, em especial para a cidade de Coroatá, pois, a ultima Murad que estava agarrada em alguma esfera de poder no estado, deixa pelas portas dos fundos o mandato de deputada estadual. Trata-se de Andrea Murad, que não se reelegeu e deu fim há um ciclo de 33 anos de poder abocanhado pela sua família ao longo dos anos.

Ricardo Murad foi eleito para um mandato pela primeira vez no ano de 1986, quando se elegeu deputado estadual, logo após se elegeu deputado federal, prefeito de Coroatá, e manteve na politica sua esposa, Teresa Murad também como prefeita de Coroatá, logo após deputada, o sobrinho Rômulo Augusto como prefeito, e sua filha Andrea Murad também como deputada, hoje este ciclo se encerra e os Murad's são enterrados de vez da politica maranhense.

Agora, sem desculpas para se ausentarem tanto da cidade que dizem tanto amar (leia-se Coroatá), os Murads devem retornar de mala e cuia para o interior e tentar começar do zero, ao que tudo indica Ricardo está planejando colocar sua filha Taty Play Murad como candidata a prefeita de Coroatá em 2020, onde ela enfrentará o atual prefeito Luís da Amovelar Filho que foi eleito em 2016, derrotando Teresa Murad de lavada que concorria a reeleição.

É aguardar para conferir...

Nenhum comentário:

Postar um comentário