.

.

terça-feira, 24 de abril de 2018

Maranhão é vice-líder na criação de empregos com carteira assinada em março



Enquanto o Brasil vive tempos sombrios com o aumento do desemprego e perdas históricas de direitos dos trabalhadores, o Maranhão alcança números surpreendentes.

Nosso estado teve o segundo maior crescimento no número de vagas do Nordeste, além de manter o maior saldo de empregos com carteira assinada dos últimos oito anos para o mês de março.

O Maranhão criou em março 1.017 postos com carteira assinada, um crescimento de 0,22%. Já o Nordeste inteiro teve o número uma queda de 0,22%. Foram 13.608 postos perdidos. Só ficamos atrás da Bahia na criação de novos empregos formais.

No acumulado do primeiro trimestre do ano, o desempenho do Maranhão também é positivo, destoando mais uma vez do Nordeste, que cortou mais vagas do que criou.

Entre janeiro e março, apenas quatro estados da região tiveram alta no emprego – entre eles, o Maranhão. O setor que mais contribuiu para a geração de empregos, em março no Maranhão, foi o de Serviços, com um crescimento de 0,70% e mais de 1.300 postos com carteira assinada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário