.

.

quarta-feira, 28 de março de 2018

Lobão desiste de Roseana e quer salvar a própria pele



Ao tentar convencer o senador Roberto Rocha (PSDB) de desistir da sua pré-candidatura ao governo, o também senador Edison Lobão (MDB) deu sinal de que prefere abandonar Roseana Sarney (MDB) – outra postulante ao Palácio dos Leões – para assegurar sua reeleição ao Senado.

Temendo o próprio futuro, Lobão carrega uma equação simples na cabeça: para os opositores a Flávio Dino (PCdoB), quanto mais candidatos melhor (só assim é possível sonhar com um segundo turno contra o comunista). Já para os candidatos ao Senado a lógica é outra: quanto menos candidatos, melhor.

Lobão viu de perto o desprestígio de Roseana durante a caravana da “guerreira” pelos interiores. Impopular, a herdeira da oligarquia tem poucas chances reais de vitória.

Em contrapartida, Lobão sabe que não pode ficar sem cargo eletivo. Alvo de inquéritos na Lava Jato, caso não seja reeleito ele perde o foro privilegiado e pode acabar sendo condenado a prisão.

Marrapá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário