.

.

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Vereadores decidirão nesta terça (29), se programa "Criança Feliz" será ou não criado em coroatá



A Prefeitura De Coroatá enviou na última quinta-feira para a câmara Municipal de vereadores um projeto de Lei que regulariza o programa "Criança Feliz", na cidade, para funcionar é preciso que os vereadores aprovem o orçamento para o referido programa. Como o orçamento da administração já foi aprovado ainda no ano passado, os vereadores precisarão decidir se incluirão os gastos do programa no orçamento já em curso.

Os vereadores de oposição disseram ser favoráveis à criação do programa, porém, preferiram entrar em acordo e não votarem o projeto de imediato, levando assim o presidente Josean Veras a convocar uma sessão extraordinária para a manhã desta terça-feira exclusivamente para debater e aprovar ou não o projeto que irá beneficiar centenas de crianças e gestantes de Coroatá.

Os vereadores da base do governo já declararam que são a favor do projeto, com exceção do vereador Cássio que preferiu não se pronunciar.

Em tempo:

 Criança Feliz – Até agora, 2.547 municípios aderiram ao programa em todo o país. As visitas domiciliares do Criança Feliz já começaram em 146 cidades de 10 Estados. Nos encontros, profissionais capacitados orientam os pais sobre a maneira adequada de estimular o desenvolvimento dos filhos. São atendidas as crianças de até três anos beneficiárias do Bolsa Família e as de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). A iniciativa é coordenada pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

Nenhum comentário:

Postar um comentário