.

.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Rubens Pereira Jr acusa grupo Sarney de fazer campanha predatória contra Flávio Dino

Imagem: Agência Alema
Do Jornal Pequeno

O deputado Rubens Pereira Jr disse, ontem, no plenario da Assembleia Legislativa, que o desespero da família Sarney alcançou níveis altíssimos, o que desencadeou uma “campanha predatória” contra o presidente da Embratur Flávio Dino. Nas duas últimas semanas, segundo Júnior, “várias informações inverídicas têm sido plantadas nos veículos manipulados pela governadora”.

Rubens Jr. destacou a tentativa de manchar a imagem de Flávio Dino. “Os veículos controlados pela família Sarney têm acusado Flávio Dino de malversação de dinheiro público durante sua passagem pela Embratur; porém, o julgamento feito pela Controladoria Geral da União durante a passagem dr Flavio pelo instituto resultou na aprovação de todas as contas”, afirmou o deputado.

A prova da distorção dos fatos, segundo Rubens Jr., foi a certidão negativa da CGU, emitida na tarde de oanteontem (18). “A Controladoria Geral da União jogou uma pá de cal nesta história armada, certificando que não constam em relatórios de auditoria, fiscalizações, processos disciplinares ou quaisquer outros procedimentos da CGU, ao senhor Flávio Dino, no tocante ao período em que exerceu o cargo de presidente da Embratur”.

Para o líder da oposição, a “onda de inverdades” teria sido motivada pelo crescimento de Flávio Dino, como mostrado na pesquisa Data M/TV Record (n°0004/2014) divulgada na noite de anteontem. O candidato do PCdoB aparece com 38,1%, enquanto Eliziane Gama vem na segunda colocação com17,5% e Luis Fernando Silva aparece em terceiro lugar com 9,4%,. O resultado obrigou o grupo Sarney a colocar a CGU em suspeição, ressaltou o oposicionista.