.

.

sábado, 13 de fevereiro de 2021

Governador anuncia equipes extras para fiscalizar o carnaval


Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (13), o governador Flávio Dino (PCdoB) disse que haverá fiscalização durante o período de Carnaval no Maranhão, com montagens de equipes extras para garantir o cumprimento da decisão da justiça.


A decisão atribuída pelo juiz Douglas de Melo Martins, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, impede a realização de eventos com potencial de aglomeração em espaços públicos e privados durante o Carnaval no Maranhão. Além disso, ressaltou que o estado do Maranhão continua com a menor taxa de mortalidade em relação ao coronavírus, mas enfrenta uma fase de crescimento de casos nos últimos meses.

Quanto ao fechamento total de serviços e outras atividades, o lockdown, Flávio Dino ressaltou que a justiça indeferiu o pedido da Defensoria Pública e defendeu que “não há necessidade de lockdown neste momento”. Dino reiterou ainda que é contra a suspensão total das atividades neste momento. Nesse sentido, Dino informou a volta às aulas de forma online e a partir do dia 22 de fevereiro, previsão na modalidade híbrida – parte online e parte presencial. “Consideramos importante o retorno das aulas e caso as condições sanitárias permitam, vamos confirmar este retorno”, pontuou.

No que refere à vacinação, até dia 11 de fevereiro, o Maranhão recebeu 307 mil doses de vacina, entregues às prefeituras e utilizadas na campanha de imunização do público prioritário. O processo de vacinação no estado segue o que determina o Plano Nacional de Vacinação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário